Canais
Hotelaria
publicado em 02 de março de 2017 - 19h55

Por R$ 200 milhões, Accor assume 26 hotéis da BHG no Brasil

A maioria dos hotéis fica no Rio e em SP e será reformada até 2019; empreendimentos receberão marcas da Accor, como Ibis, Novotel e Pullman.

Sergio Junqueira Arantes

 Um dos mais tradicionais hotéis do Rio de Janeiro, o antigo InterContinental passa para gestão da Accor

A francesa AccorHotels anunciou nesta quinta-feira (2) que assumirá a carteira de 26 hotéis da Brazil Hospitality Group (BHG) no Brasil, sendo que, a BHG continuará sendo proprietária de 17 desses 26 hotéis e terá participação nos demais. Os hotéis ficam nas principais cidades do Brasil, especialmente no Rio de Janeiro e em São Paulo e serão administrados pela Accor. Com o negócio, a Accor passará a deter 278 hotéis no Brasil.

O portfólio, que passará a ser gerido pela AccorHotels, contempla hotéis de categorias econômica, médio e alto padrão nos seguintes estados: Rio de Janeiro, São Paulo, Pará, Paraná, Rio Grande do Sul, Pernambuco, Mato Grosso, Bahia, Minas Gerais e Maranhão. O portfólio será progressivamente renovado e reposicionado até final de 2019, quando passará a operar com as marcas ibis, ibis Styles, ibis Budget, Mercure, Novotel, Mama Shelter, MGallery e Pullman.

"O Brasil de hoje é uma terra de grandes oportunidades. Esta transação é um novo marco na história da AccorHotels neste país, onde temos sido um líder firme por décadas. Trará novos hotéis de referência, bem como uma consistência ampla de marca em todos os segmentos", disse Sebastien Bazin, presidente da AccorHotels, em comunicado ao mercado.

A BHG é a terceira maior empresa hoteleira do Brasil, “estamos muito animados com as oportunidades que esta transação criará para a nossa companhia, nossos parceiros comerciais, investidores e equipes. A totalidade dos recursos gerados nesta transação será reinvestida na renovação e modernização dos hotéis de nossa propriedade”, avalia Alexandre Solleiro, CEO da BHG. “Além disto, este negócio também nos permitirá direcionar os recursos e equipes da BHG para o desenvolvimento do nosso negócio de Administração Hoteleira com nossas marcas próprias (Soft Inn, Solare e The Capital) e aquelas que representamos (Royal Tulip, Golden Tulip e Tulip Inn)”, complementa Alexandre Solleiro.

Rubens Freitas, sócio da GP e presidente do Conselho da BHG, considera que “essa transação é mais uma etapa de um processo de criação de valor que começou quando fundamos a BHG em 2007 e com o qual a GP continua completamente comprometida”.

Josh Pristaw, Senior Managing Director, co-Head para o Brasil e Head para o mercado de capitais da GTIS Partners, reitera que “esta transação representa um marco importante no plano estratégico para a criação de valor na BHG, que possui um portfólio brasileiro no setor imobiliário hoteleiro incomparável e de elevada qualidade", a exemplo do The Capital, em São Paulo, e o Marina, no Rio de Janeiro.

A Accor foi assessorada pelo Itaú BBA e a BHG foi pela Avington. A previsão das empresas é que a operação esteja concluída no último trimestre de 2017, após análise do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade).


Veja também:

08/12/2017
Viagens Fantásticas do IHG leva clientes ao cinema para assistir "Os Parças"
Os viajantes que pensam em descontrair, relaxar e conviver com a família nas férias de fim de ano podem optar pelo pacote Viagens Fantásticas do IHG que dará ingressos para assistir ao filme Os Parças.
08/12/2017
AccorHotels lança campanha de incentivo de vendas 2018
Festa de lançamento da nova campanha da área de vendas da AccorHotels
08/12/2017
Hilton anuncia expansão no México com Waldorf Astoria Cancun e Hilton Cancun
Com as suas aberturas previstas para 2021, as duas propriedades com diferenças marcadas incorporarão um total de 750 quartos na região, atualmente em expansão
06/12/2017
AccorHotels promove semana solidária em suas unidades
De 4 a 8 de dezembro, hotéis e sede da empresa promovem atividades de engajamento social com apoio dos colaboradores
Newsletter
Receba as novidades