Canais
M.I.C.E
publicado em 12 de março de 2020 - 23h55

Posicionamento da TMI MICE sobre a Crise do Coronavírus no turismo mundial

Nós, empresários, temos que honrar nosso posicionamento estratégico e enxergar oportunidades em qualquer espaço que tivermos.

Da Redação

O turismo não escapou do Coronavírus. Nem poderia. Mas, estou confiante! E apesar dos dados não serem dos mais positivos, não podemos deixar de ver oportunidades num momento de crise. Lembrando que a própria palavra Crise (Krísis- orig.grega) tem como significado separação, decisão, definição, e para mim é o momento de Decisão. Nele, você decide se encontra uma oportunidade ou desiste dela. E nós, empresários, temos que honrar nosso posicionamento estratégico e enxergá-la em qualquer espaço que tivermos.

Conversando com um experiente empresário do setor de viagens, meu amigo Sidney Alonso, da Avant Garde, que está neste mercado há mais de 30 anos, pude perceber que não é momento para pânico e sim para um planejamento estratégico. Segundo ele, “o setor já passou por crises parecidas ou até piores e, sobrevivemos!”. Isso prova que, mais uma vez, temos que nos precaver, mas não recuar. E ainda segundo suas palavras, “é o momento de enxergar a oportunidade, de ´chacoalhar a árvore´ e deixar as folhas secas caírem. Os fortes ficarão”. Um outro ponto super importante destacado por Sidney é que “quando as empresas paralisam tudo devido à crise, elas perdem uma enorme oportunidade de se posicionar, de saírem à frente de seus concorrentes. E o que mais devemos levar em consideração nestes momentos é que os planos a longo prazo não podem ser afetados". Palavras de quem já passou por crises como H1N1, SARS, MARS, sem contar as econômicas nacionais e até mundiais.

Os norte-americanos do setor, por exemplo, já se anteciparam a todo esse movimento e reservaram voos, hotéis e passagens para o segundo semestre, quando tudo parece que voltará ao normal. E quem não entrar em pânico e pensar estrategicamente, também conseguirá sobreviver na “pós-tempestade”.

Na TMI MICE tomamos todas as providências cabíveis para - JAMAIS – colocarmos a vida dos passageiros em risco e nos posicionamos de acordo com as regras do mercado, que perante uma crise como essa, não há motivos para desconfiar ou enfrentar os dados, só precisamos ser cautelosos, porém, sem deixar de ser estratégicos.

E se você, como empresário, achou que tinha perdido o “timing” de programar ou planejar uma viagem de incentivo para seus colaboradores, veja que a crise pode ter lhe dado uma outra oportunidade de planejá-la. Segundo Sidney, “acredito que rapidamente teremos um rearranjo, e que não é a primeira vez que isso vai acontecer e nem será a última”. Afinal, tudo isso vai nos deixar um grande aprendizado. ”É a hora das pessoas pensarem a médio prazo, fecharem seus contratos porque os preços estarão mais competitivos e daqui a pouco, tudo isso vai mudar e todo o mundo vai retomar e recuperar o tempo perdido”, conclui ele.

Quem se antecipar aos movimentos, planejar e sair na frente, terá mais chances de pleitear melhores negociações e aproveitar o momento para negociar prazos, lugares e pacotes.

Teremos dias ensolarados depois da tempestade e só quem tiver “se preparado” para esses dias, terá a chance de aproveitá-los da melhor maneira.

Rodrigo Fragoso | CEO

Fonte: assessoria

Veja também:

23/06/2020
TSB MICE investe na BoXXperience e prevê faturamento sustentável até fim de 2020
Com investimento de R$ 110 mil no novo serviço, agência busca alternativa para manter a operação em funcionamento e sem demissões.
05/06/2020
Esferatur lança o Esfera fácil, sua nova plataforma de reservas online
Ferramenta irá facilitar as buscas e emissões de passagens aéreas, otimizando a rotina dos agentes de viagens parceiros da consolidadora.
20/04/2020
Agência TSB MICE cria ações de relacionamento à distância para surpreender colaboradores em casa
Operando 100% em home office, agência, que não demitiu nenhum funcionário, surpreende colaboradores em casa com experiências memoráveis, ações de relacionamento à distância para valorizar capital humano.
20/04/2020
Mudanças Deixam Marcas Profundas
Se não cuidarem de seus fornecedores, ou seriam parceiros, agora, não poderão contar com eles no futuro, pois terão ficado pelo caminho.
Newsletter
Receba as novidades