Canais
Companhias Aéreas
publicado em 27 de julho de 2021 - 13h 0

LATAM reafirma aposta na recuperação do setor aéreo no segundo semestre e reforça a sua retomada no Brasil

 Taxa de ocupação nos voos da companhia cresce sucessivamente em junho e julho e impulsiona ações de retomada e investimentos da companhia no País. Nordeste é a região mais procurada pelos clientes para voos domésticos, e Cancun para internacional

Da Redação

À medida em que a vacinação contra a Covid-19 vai avançando no Brasil, a retomada da demanda por viagens aéreas também vem crescendo. Em junho, por exemplo, a média da taxa de ocupação dos voos domésticos da LATAM no Brasil ficou na casa dos 80% depois de dois meses de forte retração nesse indicador por conta da segunda onda do vírus. Em julho, ela cresceu para 82% e a expectativa é que até o fim de 2021 fique em torno de 85%.

Com o fechamento das fronteiras internacionais para voos brasileiros, o turismo doméstico ganhou ainda mais força, sendo o Nordeste campeão de vendas para viagens a lazer, como explica Diogo Elias, diretor de Vendas e Marketing da LATAM. “Salvador, Maceió e Natal são hoje os destinos mais procurados pelos nossos clientes. No último mês, vimos um aumento de 70% na procura por esses voos, fazendo com que aumentássemos em 50% a oferta de assentos para essas cidades”, afirma.

Para os poucos destinos internacionais que o Brasil pode voar, Cancun, sem dúvida, foi o mais procurado. “Lançamos o voo direto com duas frequências semanais em junho. Em julho, tivemos que aumentar para três, uma vez que tivemos lotação máxima no mês de estreia com média de mais de 95% de ocupação. Não tenho dúvidas de que, assim que as restrições para o internacional caírem, teremos uma boa retomada, principalmente para os Estados Unidos. Quando acontecer, estaremos prontos para isso”, afirma Diogo.

Foi observando essa demanda e o avanço da vacinação que a LATAM começou a apostar na melhoria do setor ainda para 2021 e iniciou um processo de retomada gradual, porém otimista, alinhada com esse cenário mais positivo e com o seu objetivo de “sair dessa crise mais forte do que entramos”, como afirma Jerome Cadier, CEO da LATAM Brasil.

Confira aqui as principais movimentações feitas pela companhia nesse sentido:

1. Malha aérea: retomada de 75% da oferta de assentos no mercado doméstico brasileiro em julho em relação ao mesmo período de 2019, passando de 310 para 418 voos diários, e de 20% do internacional a partir do Brasil, com o retorno de dois destinos no exterior: Paris e Bogotá. Até o fim do ano, espera-se operar com 100% da oferta de assentos no Brasil em comparação com o período pré-pandemia. Tão logo as restrições para voos internacionais sejam retiradas, a companhia pretende voltar com os seus 26 destinos para o exterior - sendo a única empresa a oferecer essa capilaridade internacional no Brasil.

2. Frota de aeronaves: a LATAM opera hoje no Brasil com 110 aeronaves, equivalente a 74% da atual frota da companhia no País. A expectativa é fechar 2021 com 85% do total (com 127 aeronaves voando diariamente), quando se espera a retomada de quase 100% da oferta de assentos pré-pandemia. Atualmente, a LATAM possui 149 aeronaves na frota brasileira com média de 10 anos de uso.

3. Pessoas: a LATAM é a única companhia aérea no Brasil que está contratando 750 tripulantes para suas operações ainda este ano. Até o momento, cerca de 250 já ingressaram, sendo que todas foram readmitidas após o grande corte que a empresa precisou fazer em 2020 como consequência da pandemia. Ainda, no seu Centro de Manutenção em São Carlos (SP) já foram admitidos 80 profissionais e, até o fim deste ano, espera-se mais 100 contratações temporárias, especialmente para atender a retomada do Projeto Retrofit (modernização do interior das cabines das aeronaves).

4. Cargas: a unidade de cargas da LATAM anunciou, em maio deste ano, a ampliação de 11 para 21 aeronaves na frota cargueira de aviões Boeing 767 até 2023. Somente em julho, a previsão para todo o grupo era de 1.030 voos em aeronaves cargueiras, o que representa 20% a mais do que no mesmo mês de 2019. A LATAM Cargo conta com uma frota mista de aviões para suas operações, utilizando tanto o porão das aeronaves voltadas para voos de passageiros quanto cargueiros dedicados.

Investimentos: destacam-se aqui três grandes iniciativas alinhadas ao movimento de retomada do setor aéreo:

A. Retrofit: até setembro de 2022, serão reformuladas as cabines de 30 aeronaves Airbus A320 e A321 da frota da LATAM Brasil, além de mais 44 aviões do mesmo modelo pertencentes às frotas das demais afiliadas do Grupo LATAM. Esse processo, chamado de retrofit, é o maior investimento da história do Grupo - cerca de US$ 400 milhões - sendo metade deste valor destinado especialmente para a operação da LATAM Brasil.

B. Inovação Tecnológica: projeto está em sua segunda fase, com o lançamento de uma funcionalidade exclusiva, o LATAM Wallet, e uma nova e única experiência para o LATAM Pass, o programa de fidelização da companhia. A nova experiência digital, lançada em fevereiro, focou sua primeira fase em quatro pilares: Novo fluxo de compra no site; Conta com perfil com todas as informações do cliente em um só lugar; Notificações personalizadas; e Check-in Automático.

C. Sustentabilidade: em maio, o Grupo LATAM assumiu compromissos com a sustentabilidade em quatro grandes áreas: gestão ambiental, mudanças climáticas, economia circular e valor compartilhado.

Fonte: Assessoria

Veja também:

15/10/2021
Combustível dos aviões tem alta de 91,7% e pode frear retomada do setor aéreo
A Associação Brasileira das Empresas Aéreas (ABEAR) faz um alerta para a escalada do preço do querosene de aviação (QAV), que registrou alta de 91,7% no segundo trimestre deste ano, em relação a igual período do ano passado, segundo os dados mais recentes da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC).
15/10/2021
Azul Conecta passa a conectar Belém a duas novas cidades do interior do Pará
Paragominas e Tucuruí terão, a todo, onze voos semanais para a capital do estado a partir do mês que vem; em Belém, Clientes do interior poderão se conectar para mais de 18 destinos operados pela Azul
09/10/2021
Itapemirim Transportes Aéreos anuncia nova rota entre Brasília e Recife
Voo diário terá início a partir de 14 de outubro; vendas já estão abertas
09/10/2021
Associadas ABEAR adotam vacinação obrigatória contra Covid-19 para todos os colaboradores
Ampliação de medidas sanitárias entre GOL, LATAM Brasil, VOEPASS e ITAPEMIRIM visa garantir a segurança e bem-estar coletivo
Newsletter
Receba as novidades