Canais
Destino
publicado em 09 de agosto de 2007 -  0h 0

Curitiba: pronta para mais eventos

Da Redação
A temperatura está baixa. Os termômetros marcam 10º C. É inverno em Curitiba e a cidade, com seu charmoso clima europeu, amanhece entres as nuvens com a neblina típica desta época do ano. Nas ruas, as pessoas bem agasalhadas caminham cruzando as largas avenidas onde os ônibus ‘ligeirinhos’ circulam sem atrapalhar o trânsito. Dentro de uma "Estação Tubo", marca registrada dos modernos "pontos de ônibus" da cidade, aguardo minha vez de embarcar no melhor sistema de transporte coletivo da América Latina. Tudo é muito rápido e em pouco tempo já estou no meu destino final. O dia só está começando e o aconchegante clima de inverno com sol é um convite para um longo passeio. Durante uma generosa caminhada pelo centro da cidade, atravesso as agitadas ruas XV de Novembro e das Flores até chegar na ‘Boca Maldita’, tradicional ponto de encontro de Curitiba, onde é possível saber tudo e mais um pouco sobre política, cultura, futebol, fofocas, etc. Entre um gole e outro de café para esquentar, um simpático senhor me fala sobre a Linha Turismo, composta por ônibus do tipo ‘jardineiras’ que circulam pelos principais pontos turísticos da cidade. Sem pensar muito, sigo em direção a Catedral de Curitiba onde embarco para um charmoso passeio pela cidade para ver de perto lugares como a Universidade Federal do Paraná, Jardim Botânico, Ópera de Arame, Museu Oscar Niemeyer, Santa Felicidade, Rua 24 horas, Universidade Livre do Meio Ambiente, Museu Paranaense, Parque Taguá, entre outros. Já no final do longo dia estou na Torre Panorâmica, observando a cidade do alto e começando a entender claramente porque a capital paranaense há muitos anos é uma referência quando se trata de projetos urbanísticos pioneiros. O sistema de transporte coletivo, a arquitetura arrojada de seus parques, monumentos e museus, o extremo cuidado com a preservação do meio ambiente, sua forte identidade cultural influenciada por vários povos, além de uma ampla infra-estrutura de serviços de qualidade a caracterizam como uma cidade única no País. Boa para viver, passear e fazer eventos - A máxima do turismo que diz "uma cidade é boa para o turista se ela é boa para as pessoas que nela vivem", se confirma plenamente em Curitiba, que está entre as cidades com os melhores indicadores sociais do País. O verdadeiro reconhecimento de tudo isso se reflete nos mais variados títulos que a cidade conquistou. Para se ter uma idéia, só nos últimos três anos Curitiba foi eleita como a melhor cidade brasileira para fazer negócios, de acordo com pesquisa realizada pela Simonsen Associados para a revista Exame. Outros títulos importantes, como Capital Americana da Cultura e Capital Ecológica do Brasil, também compõem o hall de suas conquistas. Para completar uma lista recheada de fatores que a diferenciam de qualquer outra cidade do Brasil, nos últimos anos tem aumentado substancialmente a procura de grandes indústrias, principalmente automobilísticas, de alimentos e de tecnologia para instalarem, em sua região metropolitana, fábricas e sedes de escritórios no Brasil. Esse contexto tão favorável, já seria suficiente para qualificar a capital paranaense como um destino altamente competitivo para receber todos os tipos de eventos. Mas ainda há a sua ótima infra-estrtura em matérias de equipamentos para reforçá-lo. Uma boa variedade de espaços, parque hoteleiro em expansão – mais de 16 mil leitos até o final do ano, somados às políticas públicas de promoção turística através da Paraná Turismo, órgão estadual, da CIC (Companhia de Desenvolvimento de Curitiba – Curitiba Turismo) e ao trabalho do Curitiba Convention & Visitors Bureau (CCVB) estão ajudando a trazer para a cidade cada vez mais turistas, tanto de eventos e negócios como de lazer. No ano passado a capital paranaense recebeu 1,6 milhões de habitantes, número acima da média nacional, número que representa exatamente a população atual da cidade. Isto quer dizer, Curitiba recebe por ano uma Curitiba inteira de turistas. Sabe-se também que deste total de 1,6 milhões de turistas, cerca de 49% passam pela capital paranaense para fazer negócios em função do grande número de empresas sediadas na Cidade Industrial de Curitiba. Uma estimava animadora da Prefeitura mostra que com a implantação do novíssimo Estação Embratel Convention Center a participação do turismo no Produto Interno Bruto (PIB) da cidade passe de cerca de 6% para 8%. E a cidade só tem o que comemorar. De acordo com dados do CCVB, ainda neste ano a cidade deverá receber 20 mil turistas a mais do que nos anos anteriores, tudo isso em função dos eventos. Em 2003, cerca de 97 mil turistas estiveram na cidade para participar de eventos, para 2004 esse número só tende a crescer. Tudo pronto para os eventos crescerem mais - Para abrigar este crescimento, a cidade dispõe hoje de uma lista de espaços, entre os quais o Estação Embratel Convention Center, Expo Trade, Centro de Convenções de Curitiba, Marumby Expo Center, CIETEP (Centro Integrado dos Empresários e Trabalhadores das Indústrias do Paraná), Pavilhão de Exposições do Barigui, Canal da Música, Ópera de Arame, Teatro Guairá, Pedreira Paulo Leminski, Centro de Convenções do Shopping Novo Batel e Irmãos Madalosso. São locais que comportam de grandes a pequenos congressos, seminários, exposições, workshops, eventos populares, shows musicais e etc. O Estação Embratel Convention Center, foi inaugurado no final de março passado e é considerado o mais moderno centro de convenções do País. Com área de 25 mil m² e capacidade para receber até 5 mil pessoas, o novo centro de convenções tem como características conceituais marcantes a inteligência, flexibilidade e multifuncionalidade dos seus espaços. Um acordo de co-branding entre a Embratel e o grupo K&G, controlador da rede, e O Boticário, possibilitou a implantação de recursos tecnológicos nunca antes disponíveis num espaço para eventos no Brasil. Outro diferencial é que o centro de convenções está integrado ao complexo do Shopping Estação, que atualmente conta com 214 lojas, dez cinemas, praça de alimentação, museus, área de entretenimento, tudo isso estrategicamente localizado na região central da cidade. Já o tradicional Centro de Convenções de Curitiba, também apresenta boas novidades. Sob uma nova administração, esse importante espaço para eventos está passando por uma série de reformas, como melhorias na parte de segurança e no grande auditório Paraná para 1.500 pessoas. Outro espaço que também se destaca é o Expo Trade, local das maiores feiras de negócios da região que, com uma área de exposições com 30 mil m², também dispõe de um boa diversidade de salas para suprir eventos dos mais variadas dimensões. Já os Teatros Guaíra e Paiol são palco de peças de teatro e apresentações culturais. E no que se refere a grandes espaços para realização de mega eventos, a Pedreira Paulo Leminski, na região norte da cidade, consegue receber até 20 mil pessoas em eventos como o Curitiba Pop Festival, que recentemente trouxe várias bandas nacionais e internacionais para a cidade. Bem próximo à Pedreira está a charmosa Ópera de Arame, uns dos mais belos cartões postais da cidade e também um importante espaço para realizações de eventos. Hotelaria também pronta para os eventos - Com um histórico de crescimento relâmpago nos últimos anos anos, a hotelaria de Curitiba se renovou com a entrada das grandes redes e agregou novos espaços para eventos. Para se ter uma idéia, em 1999 havia 81 hotéis e 21 flats, que juntos somavam 11.283 leitos. Em 2002, esse número para 94 hotéis e 28 flats. No ano passado foram construídos mais sete hotéis e seis flats, sendo que ainda neste ano pelos menos outros seis serão inaugurados, chegando até o final de 2004 com uma oferta acima de 16.500 leitos. Entre os novos hotéis incluem-se dois da rede Holiday Inn, um deles no bairro de Santa Felicidade e outro no sofisticado bairro Batel. Já a rede Accor vai inaugurar até o final do ano seu hotel de classe econômica, o Formule 1 próximo à estação rodoferroviária. A lista dos hotéis na cidade que hoje dispõem de boas áreas para eventos é bem grande. Entre os principais estão o Blue Tree, Mercure, Íbis, Deville, Grandville, Mabu, Doral, Lancaster, Rockfeller, Roochelle, Victoria Villa, Bourbon, Bristol, Caravelle, Condor, Lizon e Holiday Inn. Um dos grandes destaques , sem dúvida, é o elegante hotel Four Points by Sheraton Curitiba. Além de toda sua infra-estrutura de hospedagem e lazer – 176 apartamentos –, o Sheraton Curitiba dispõe de um amplo e completo centro de convenções com 411 m² e capacidade para até 650 pessoas em auditório. Completando o complexo estão mais cinco salas de reuniões e outras cinco salas day office totalmente equipadas. Paraná e seu grande potencial turístico - Num Estado tão grande como o Paraná, a diversidade de locais para se visitar fora da capital é enorme. Através da Paraná Turismo, órgão ligado a Secretaria de Estado Turismo, a execução da Política Estadual do Turismo têm ajudado no desenvolvimento e fomento do turismo em todo Paraná. De leste a oeste, de norte à sul, o Estado tem atrações por toda parte. Começando pelo litoral passamos pelas históricas cidades de Paranaguá, Morretes e Antonina, localizadas no pé da Serra do Mar. Bem próximo estão a Ilha do Mel e Guaraqueçaba, badalados destinos de praia e natureza. Passando pela bela Estrada da Graciosa e atravessando a capital chegamos a região dos Campos Gerais, onde está o Parque Estadual de Vila Velha, local em que o tempo e o vento esculpiram figuras intrigantes nas pedras, entre elas cartões-postais famosos como a "Taça", a Pedra Suspensa, a Lago Dourada e o Cânion do Guartelá – sexto maior do mundo. Seguindo em direção Norte pelo interior, chegamos nas cidades de Maringá e Londrina, fortes pólos econômicos de agricultura onde estão concentrados cerca de 30% da população do Paraná. Nessa região são marcantes os fortes traços da colonização japonesa, árabe, alemã, italiana e portuguesa. Já na região Oeste encontra-se uma das mais diversificadas paisagens do Estado. É lá também que está a famosa cidade de Foz do Iguaçu com seu Parque Nacional do Iguaçu - Patrimônio da Humanidade – e um dos maiores espetáculos da natureza, as Cataratas do Iguaçu. Demarcando a tríplice fronteira – Brasil, Argentina e Paraguai – Foz do Iguaçu é um dos principais destinos turísticos de toda América do Sul. Nessa região também está a monumental usina hidroelétrica de Itaipu, a maior do mundo, cujo reservatório forma um lago artificial com praias, piscinas naturais, marinas e dezenas de áreas para prática de esportes náuticos e pesca esportiva. Já na capital Curitiba... - No pós-evento, uma variedade de passeios para o dia e a noite - Além da boa infra-estrutura para eventos, a elegante capital paranaense oferece uma série de opções de passeios para o pré ou pós-evento. Durante o dia ou à noite, a cidade tem muita coisa boa para ser vista. Na recheada lista de locais para se visitar, todos incluídos no roteiro da Linha Turismo, vale a pena parar, descer e conferir o Museu Oscar Niemeyer, o Jardim Botânico e a Ópera de Arame. Outra sugestão é acordar cedo e embarcar no passeio de trem da Serra Verde Express até Morretes, percorrendo a Serra do Mar e conferindo um visual inesquecível da natureza cruzando a famosa estrada de ferro que liga Curitiba ao Porto de Paranaguá . Já na volta, suba pela Serra da Graciosa por suas lindas estradas sinuosas. À noite pode-se conhecer a agitação do sofisticado bairro Batel com sua infinidade de bares. Lá estão os divertidos Armazém São José, com deliciosos petiscos, e a música brasileira ao vivo do Bar Brasil. Não muito longe fica o Bar Brahma, um dos mais deliciosos e badalados da cidade, onde o chopp vem direto da fábrica. Mas se o apetite está para sentar e saborear um bom jantar, o tradicional bairro italiano de Santa Felicidade é o caminho certo. Composto essencialmente por cantinas, os restaurantes do bairro têm um charme todo especial. Entre tantos, lá está o maior restaurante do mundo, o Madalosso, com sua típica polenta frita acompanhada de asinhas de frango, que em dias de grande movimento chegam a receber mais de 5 mil pessoas. Em Santa Felicidade também está a Alma Curitibana, uma belíssima loja onde se encontram artesanatos de todas as colônias estrangeiras que vivem na cidade. São estas características culturais e sociais, seus valores e belezas que resumem a essência da alma curitibana.

Veja também:

05/08/2020
Foz do Iguaçu se prepara para uma retomada definitiva
Esse é o pensamento geral das entidades representativas do turismo que preparam um forte movimento de retomada.
30/07/2020
Château Hotel Grand Barrail, da França, divulga as novidades do verão
Entre elas estão um novo bar de vinhos, piqueniques gourmet e massagem com um mestre de Shiatsu
24/07/2020
Eventos: Segunda reunião do comitê avança e setor aguarda devolutiva de documento apresentado
Foi realizada na tarde de terça-feira (21), a segunda reunião do comitê que está tratando da retomada do setor de eventos em Maringá.
23/07/2020
EXCLUSIVO: Portal Eventos transmite LIVE sobre retomada do turismo no Guarujá
O Portal Eventos transmitiu no último dia 23 uma LIVE do Guarujá Convention & Visitors Bureau – Visite Guarujá, com a participação especial do Prof. Marcelo Boeger, consultor hospitalar e hoteleiro, especializado em biossegurança.
Newsletter
Receba as novidades