Canais
Destino
publicado em 05 de fevereiro de 2019 -  1h10

Destino Iguassu conquista mercado internacional

Movimento turístico de norte-americanos cresce 47% após investimentos em marketing e na capacitação de agentes de viagens.

Da Redação

O Visit Iguassu, como entidade que promove o Destino Iguassu, desenvolve um trabalho contínuo de valorização da imagem da região trinacional no Brasil e no exterior. Em 2018, a entidade realizou 15 visitas de treinamentos e capacitações e esteve presente em 24 feiras e eventos nacionais e internacionais de turismo, nos quais teve a oportunidade de apresentar o potencial turístico da região.

Os encontros também possibilitaram um estreito relacionamento com agências de viagens do mundo todo, como explica a gerente de Visitors do Visit Iguassu, Elaine Tenerello: “O diálogo com operadores de viagens amplia o conhecimento deles sobre o Destino Iguassu, o que implica em mais vendas de viagens para a região e consequentemente, mais turistas”. Somente em 2018, o Visit Iguassu promoveu a capacitação de 5,8 mil agentes de turismo.

Paralelo ao trabalho de capacitação de agentes, a entidade criou a campanha publicitária Easier, Faster, Closer (Mais Fácil, Mais Rápido, Mais Perto) que circulou, ao longo de 2018, nos voos da American Airlines nos Estados Unidos e em todo o mundo. O Visit também promoveu a realização de doze famtours, três deles apenas com norte-americanos. “Os convites para essas viagens de familiarização foram direcionados não só a operadores de viagens, mas também a jornalistas e influenciadores digitais. São os profissionais que contribuem diretamente com a divulgação do Destino Iguassu mundo a fora”, pontua Elaine.

O objetivo de incentivar o crescimento de visitantes estrangeiros ao Brasil e reforçar a imagem do Destino Iguassu nos Estados Unidos deu certo.

Segundo o Parque Nacional do Iguaçu, 1,9 milhão de pessoas visitaram as Cataratas do Iguaçu em 2018, número 11,7% superior ao conquistado em 2017 . Os Estados Unidos foram o terceiro maior emissor de turistas à região, atrás apenas dos nossos vizinhos Paraguai e Argentina. Em 2017, o país era o quinto maior emissor. “De um ano para o outro vimos um salto de 47% no número de norte-americanos que estiveram no Destino Iguassu. A conquista é fruto deste trabalho de divulgação e captação de novos turistas para a região, associado à criação do e-visa”, avalia a gerente.

O e-visa é um programa criado pelo Ministério do Turismo que desde o final de 2017 oferece visto brasileiro para turistas da Austrália, Canadá, Estados Unidos e Japão de forma eletrônica, em um processo que dura em média 72 horas.

 Norte-americanos em visita ao Destino Iguassu


Fonte: assessoria

Veja também:

06/06/2020
Turismo de Foz do Iguaçu preservará 4,5 mil empregos na pandemia
Hotéis, restaurantes e atrativos aderiram ao bolsa qualificação para impedir onda de demissões em razão da crise no setor provocada pela pandemia do novo coronavírus.
05/06/2020
Portugal é o primeiro país europeu a receber o selo ‘Safe Travels’
O selo do World Travel & Tourism Council visa reconhecer destinos que cumprem protocolos de saúde e higiene.
03/06/2020
Bondinhos Aéreos de Canela anuncia dias e horários de funcionamento para o mês de junho
Reaberto desde o dia 9 de maio, o Parques da Serra Bondinhos Aéreos, de Canela (RS), definiu dias e horários de funcionamento ao longo do mês de junho.
29/05/2020
Dia 10 de junho: live solidária na Itaipu reúne vários atrativos de Foz
É o “esquenta” da retomada do segmento, um dos mais afetados pela pandemia da covid-19 na fronteira.
Newsletter
Receba as novidades