Canais
Destino
publicado em 15 de abril de 2020 - 21h12

Destinos turísticos de São Paulo estimam retomada apenas no segundo semestre

Projeção é feita com base em pesquisa realizada pelo Centro de Inteligência da Economia do Turismo, núcleo de estudos e pesquisas da Secretaria de Turismo do Estado de São Paulo.

Da Redação

De acordo com a Secretaria de Turismo do Estado de São Paulo, as atividades turísticas nos municípios com potencial turístico do estado devem ser retomadas no segundo semestre.

É o que estimam 69,4% das 146 cidades paulistas participantes da pesquisa realizada pelo Centro de Inteligência da Economia do Turismo, núcleo de estudos e pesquisas da Secretaria de Turismo do Estado de São Paulo.

Ainda, 45,1% dos representantes locais acreditam também que a retomada pode vir somente em 2021.

As pesquisas fazem parte de um amplo projeto de apoio aos destinos turísticos paulistas, que além das pesquisas inclui campanhas de conscientização, orientações ao crédito turístico e divulgação de boas práticas de enfrentamento da crise gerada pela Covid-19.

A pesquisa com os destinos turísticos paulistas ainda permitiu que os municípios relatassem, em formato aberto, quais foram os principais instrumentos utilizados para organizar e atender as medidas restritivas de circulação impostas pelo governo estadual.

A nuvem de palavras (abaixo) mostra que os decretos municipais, determinando fechamentos de atrativos, cancelamentos de eventos, acesso à praias,parques e áreas verdes e até proibição de circulação de ônibus e vans turísticas foram os instrumentos mais utilizados pelas administrações locais.

Além disso, os destinos recorreram a campanhas para incentivo de empreendimentos e comércio local para venda de produtos por sistema eletrônico e entregas em domicílio.

Nos relatos, as prefeituras reconhecem os impactos negativos da falta de visitação turística nas cidades, principalmente os destinos que têm o turismo como uma de suas principais atividades econômicas. Os municípios seguem monitorando os efeitos da crise nas atividades turísticas e atuando nas atividades de enfrentamento ao contágio por Coronavírus nos moradores das cidades.

Notícias Relacionadas

13/04/2020
Levantamento da Gartner avalia planos de contingência na área de eventos
Expositores e organizadores de eventos podem preencher lacunas na geração de leads usando estratégias alternativas.
13/04/2020
Turismo: lideranças do segmento projetam falência de 10% dos hotéis e 30% dos restaurantes
CNTur e FBHA estimam que 200 mil estabelecimentos fecharão as portas e confederação de trabalhadores calcula meio milhão de desempregados.
10/04/2020
Pesquisa FOHB: Resorts tem 100% dos quartos fechados no Brasil
Média geral de fechamento é de 67%. Maioria dos hotéis acredita reabrir apenas em junho
10/04/2020
WTTC: Turismo e Viagens foram responsáveis por quase 9% do PIB das Americas em 2019
Resultados do Relatório de Impacto Econômico (EIR) mostram a capacidade de colaboração do segmento no renascimento da economia pós Covid-19

Veja também:

29/05/2020
Dia 10 de junho: live solidária na Itaipu reúne vários atrativos de Foz
É o “esquenta” da retomada do segmento, um dos mais afetados pela pandemia da covid-19 na fronteira.
09/05/2020
Foz do Iguaçu implanta protocolos de segurança para retomada do turismo e eventos em julho
Decreto municipal publicado hoje (8), elaborado em conjunto com iniciativa privada, estabelece normas sanitárias, com previsão de reabertura lenta e gradual
08/05/2020
Bondinhos Aéreos de Canela reabrem a partir de 9 de maio
O parque está fechado desde o dia 19/3, seguindo orientações das autoridades no combate ao novo coronavírus.
06/05/2020
Visit Santos abre 400 vagas para cursos gratuitos na área de turismo
Em parceria com a Secretaria de Turismo de Santos, serão oferecidos 4 cursos de capacitação, com 100 vagas em cada um.
Newsletter
Receba as novidades