Canais
Eventos Sociais
publicado em 21 de dezembro de 2015 - 16h18

Museu do Amanhã recebe 25.473 visitantes no fim de semana de abertura

O novo museu, na Praça Mauá, ficou aberto durante 32 horas seguidas

Da Redação

O Museu do Amanhã, na Praça Mauá, região portuária do Rio de Janeiro, recebeu 25.473 visitantes em seu fim de semana de abertura, das 10h de sábado às 18h de domingo. Cariocas de toda a cidade e turistas conheceram o novo museu de ciências, que explora possibilidades de futuro sob a ótica da sustentabilidade e da convivência. Já na sexta-feira, os moradores do entorno e quem “fez” o museu (operários, cientistas, artistas e demais equipes envolvidas) visitaram em primeira mão: 4.441 pessoas participaram de uma visita especial pelas exposições e pelo parque criado no píer, que apresenta novos ângulos da cidade.

O Museu de Arte do Rio - MAR, com quem o Museu do Amanhã forma um arco cultural na Praça Mauá, também participou do “viradão cultural” e funcionou durante todo o fim de semana. Foram 8.544 visitantes, nas quatro exposições em cartaz. Até um café da manhã aberto ao público fez parte da programação.

“O saldo do viradão é de alegria. Foi bom ver que a população abraçou o museu com entusiasmo, de forma pacífica e com muita paciência, já que a fila era longa e o calor, forte”, avaliou o diretor geral do Museu do Amanhã, Ricardo Piquet. “Recebemos crianças, idosos, trabalhadores e suas famílias e até os boêmios da madrugada, o que comprova que museu é um bom programa para todos.”

Muitos visitantes curtiram a vista da Baía de Guanabara e o público aprovou o novo equipamento cultural da cidade. “O Rio estava precisando e merecendo essa revitalização, coroada por museu impecável como esse, ”, disse a contadora Tatiane Carneiro, 36 anos, que fez a visita ao lado da mãe, Ezir,69, e do filho, Bruno, de 12. O menino ficou encantado com o museu, em especial com a área do Antropoceno, em que totens de 10 metros de altura exibem o impacto do homem no planeta em imagens. “É a única maneira de abrir os olhos das pessoas”, destacou.

O Museu do Amanhã é uma iniciativa da Prefeitura do Rio de Janeiro, concebido e realizado em conjunto com a Fundação Roberto Marinho, instituição ligada ao Grupo Globo, tendo o Banco Santander como Patrocinador Master. O projeto conta ainda com a BG Brasil como mantenedora e o apoio do Governo do Estado, por meio de sua Secretaria do Ambiente, e do Governo Federal, por intermédio da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep). O Instituto de Desenvolvimento e Gestão é a Organização Social responsável pela gestão do museu. “O sucesso dessa grande operação foi um bom teste para a equipe do IDG, que contou com o fundamental apoio dos parceiros que realizaram o museu: Prefeitura do Rio; Fundação Roberto Marinho e Santander”, disse Piquet. Também participaram da operação a Companhia de Desenvolvimento Urbano da Região do Porto do Rio de Janeiro (Cdurp), Secretaria de Cultura, Guarda Municipal, Riotur, Polícia Militar do Estado.


Veja também:

28/11/2017
Luigi Rotunno recebe título da Academia de Letras do Brasil
Título de Grande Embaixador da entidade foi entregue no último sábado (25/11) em cerimônia organizada na Câmara Municipal de Eunápolis.
19/07/2017
Shows internacionais movimentarão o mercado gaúcho no 2o semestre
Com promoção exclusiva da RBS, três grandes shows internacionais movimentarão mercado de live marketing gaúcho no segundo semestre
10/07/2017
Empresárias lançam clube para reunir “meseiras” em São Paulo
Clube da Mesa Posta também vai oferecer plano de assinaturas com cursos, dicas e descontos para compor a mesa
24/02/2017
Travel South e Unidos da Tijuca juntas no Carnaval 2017
Ritmos da música americana é tema do samba enredo da escola de samba carioca: Elvis Presley, Blues, jazz e muito Rock and roll
Newsletter
Receba as novidades