Canais
Eventos do Trade
publicado em 07 de dezembro de 2014 - 21h38

Primeiro dia do Eventos Brasil 2014 reafirma inovação e renovação do setor

Com representantes de 20 estados brasileiros e do Distrito Federal, começa o 26º Congresso Brasileiro de Empresas e Profissionais de Eventos – Eventos Brasil 2014. Rodada de Negócios organizada pelo SEBRAE fomentou parcerias para 2015. Destaques na segunda-feira (08/12) são para painéis e análise de dados atualizados do setor.

Da Redação

Com auditório do Centro de Convenções Rebouças repleto de profissionais de diversas partes do país, o 26º Congresso Brasileiro de Empresas e Profissionais de Eventos começou neste domingo (07/12) de forma descontraída. Os congressistas foram recebidos por cantores logo na entrada e palhaços fizeram a recepção dos participantes na sala principal para a cerimônia de abertura.

A presidente da ABEOC Brasil, Anita Pires, o presidente da ABEOC Brasil Estadual SP, Osvaldo Barbosa e Rodrigo Cordeiro, coordenador da programação do Congresso e presidente eleito da ABEOC Estadual SP se revezaram na apresentação do evento, agradecendo os patrocinadores e apoiadores do Congresso. “É um novo momento, onde estamos mais fortes”, afirmou Anita.

“Os clientes estão cada vez mais exigentes”, afirmou Barbosa durante discurso de abertura onde analisava o atual mercado de eventos. Para Rodrigo Cordeiro, os desafios e dinamismo são marcas do segmento. “Trabalhar com eventos é um estilo de vida”, disse o coordenador.

O hino nacional foi executado de forma inovadora com o grupo Choro das Três, com pandeiro, flauta transversal, banjo e violão sete cordas.

Os patrocinadores e parceiros também tiveram voz na cerimônia de abertura. Ana Clévia Guerreiro, do SEBRAE Nacional, parabenizou a ABEOC Brasil por reunir importantes lideranças do setor e elogiou a organização. “Esta é uma oportunidade de fortalecimento das relações das entidades do setor de eventos no Brasil. Isso é importante para o posicionamento brasileiro no mercado nacional e internacional”, afirmou Lima. “Esta gestão entrega uma outra ABEOC para o país e para a sociedade”, afirmou Ana em relação a Anita Pires que será substituída por Ana Cláudia Bittencourt, da ABEOC Brasil Estadual RS, que assume a presidência nacional em janeiro de 2015.

“Parabenizo a organização do evento. A CNC e a FBHA se sentem honradas pela reativação do Congresso”, disse Alexandre Sampaio, presidente da Federação Brasileira de Hospedagem e Alimentação. “A CNC está comprometida com setor do Turismo de Negócios”, disse Sampaio ao anunciar a criação do Conselho Empresarial de Turismo da entidade.

Marco Lomanto, da Embratur, representou o ministro do Turismo Vinícius Lage e afirmou que o Eventos Brasil é uma iniciativa de grande relevância. “Iniciativas como essa vem ao encontro do destaque o Brasil vem atingindo. Sabemos que 65% das pessoas que participaram de eventos no país estão satisfeitas e que 91% tem intenção de retornar ao país”, disse Lomanto.

Rogério Hamam, secretário Estadual do Desenvolvimento Social que representou o governador de São Paulo Geraldo Alckmin na cerimônia de abertura, lembrou a atuação dele e da família no setor de eventos. “Em nome do governo, reconhecemos a grandeza desse setor para o estado e para o país”, declarou no final.

Futuro dos Eventos

Depois da cerimônia de abertura, Gonzalo Constanzo da IAPCO – International Association Of Professional Congress Organisers falou sobre as tendências do setor de eventos na palestra “O Futuro dos Eventos”. “Há alguns anos não sabíamos o que era um aplicativo e hoje eles são cada vez mais presentes, facilitando a participação dos congressistas”, afirmou Gonzalo.

Proferindo a palestra em espanhol, Gonzalo também falou sobre a importância para as entidades promotoras de eventos de manter o contato com os associados ao longo do ano. “O evento é apenas o parque de diversões, onde tudo está bonito e bem arrumado, mas uma associação tem a missão de manter contato permanente com o associado, mantendo-o atualizado, oferecendo maneiras de ele se capacitar”, completou. “As associações serão cada vez mais importantes”, afirmou o ex-presidente da entidade apresentando dados da Union Of International Association que mapeou mais de 1.000 associações ligadas ao setor, além do que é mais importante para se escolher uma cidade ou destino para sediar eventos.

Para ele, congressistas querem experimentar novos locais e novas cidades. “O ser humano está ávido por coisas novas e é cada vez mais difícil surpreender”, constatou. As perguntas feitas durante a conferência foram feitas através do What's Up e também por SMS.

Gonzalo chamou atenção para a própria ABEOC Brasil que cada vez mais tem se utilizado de ferramentas tecnológicas e aplicativos para envolver a participação dos associados. Ainda sobre o futuro dos eventos, o especialista disse que o impacto social dos eventos são cada vez mais importantes e comuns. “Articular voluntariados, pensar em ações que deixam um legado para o local, ações que tem como princípio a sustentabilidade, serão cada vez mais comuns”, completou.

Emoção é principal ingrediente

Com moderação de Jeanine Pires, ex-presidente da Embratur e consultora na Pires e Associados, a segunda palestra da manhã foi de Maurício Tavares, diretor artístico com décadas de experiência na realização de eventos sendo dos quais 30 anos dedicados a eventos da Rede Globo. Tavares destacou que emoção é o principal ingrediente do sucesso de um evento e contou como foi organizar o primeiro Rock In Rio, em 1985. “Nós não tínhamos luz, som e não sabíamos como seria receber 100 mil pessoas por dia”, disse para a plateia do Eventos Brasil 2014.

“Não existe evento, existe projeto de comunicação”, citou o diretor ao recordar dos ensinamentos de Roberto Medina, idealizador do festival de rock. “O investimento mais importante de um evento é a emoção, pois é ela quem gera a memória”, afirmou.

Maurício ainda falou de suas experiências durante a Jornada Mundial da Juventude, os Jogos Militares Internacionais e disse que o Brasil é um dos maiores produtores de eventos do mundo. O diretor também demonstrou preocupação com a formação do profissional do setor e citou, como exemplo, a função do “show cooler”, função inexistente no mercado brasileiro e que precisou importar para o evento de encerramento dos Jogos Militares, no Rio de Janeiro, em 2013.

Política foi tema de encontro com a imprensa

A preocupação com a sucessão no Ministério do Turismo foi um dos assuntos em pauta durante coletiva com a imprensa na tarde deste domingo. Participaram do encontro Marco Lomanto, da Embratur, Anita Pires, presidente nacional da ABEOC Brasil, Ana Cláudia Bittencourt, presidente eleita para a próxima gestão nacional da Associação, além de Rodrigo Cordeiro, Osvaldo Barbosa e Alisson Batres, diretora da Cocal – Federação de Entidades Organizadoras de Congressos e Afins da América Latina, que vai realizar seu XXXII Congresso em Florianópolis, de 5 a 7 de março de 2015.

Repórteres dos veículos presentes no encontro fizeram perguntas relacionadas à demanda do setor para os próximos anos, além de questionamentos sobre o crescimento econômico. A expectativa de crescimento para o setor em 2014 é de 14% e as estimativas mostram que esse percentual deve se repetir em 2015, na contramão da expectativa de baixo crescimento do PIB nacional.

Depois do hiato de sete anos na organização do Congresso, a diretoria da ABEOC confirmou que o evento volta ao calendário de atividades da associação com previsão de acontecer a cada dois anos.

Entre as prioridades da próxima gestão, Ana Cláudia Bittencour citou o estreitamento de laços com outros países, no sentido de aproximar o país da América Latina. “Também temos uma meta que é abrir uma representação da ABEOC Brasil em todos os estados da Federação”, finalizou a nova presidente.

Lomanto falou dos desafios de se aumentar a divulgação do Brasil como destino turístico mundial, principalmente depois dos eventos internacionais como Copa do Mundo e Olimpíadas que deram visibilidade para o país. O representante da Embratur ainda falou que os Jogos Mundiais Indígenas e as Olimpíadas 2016 vão fortalecer a divulgação do país. “Também vamos aproveitar eventos como o Rock in Rio, que vai acontecer em Las Vegas, para divulgar o Brasil e a nossa cultura principalmente, pois diante de tanta competitividade, sabemos que esse é um diferencial na hora de colocar um destino em evidência”, afirmou Lomanto.

Programação desta segunda-feira (08/12)

Na segunda-feira (08/12), um dos destaques da programação é o painel “Eventos Fora de Série” que vai reunir três representantes do setor que organizaram eventos marcantes no país: Márcia Golfieri, organizadora do TEDx Liberdade, Gustavo Ribeiro, organizador da Jornada Mundial da Juventude e Recepção do Papa no Brasil e Dulce Magalhães, responsável pelo Festival Mundial da Paz.

Sandie Dawe, da London & Partner, faz palestra com o tema “A estratégia competitiva de Londres: do Mega evento à liderança em eventos” e o painel “Fontes de Informação para fortalecer o seu negócio” traz debates sobre pesquisas setoriais, uniformização de conceitos e tabela referencial de valores e também sobre normas técnicas.

Outro painel importante será “A importância da cooperação na cadeia produtiva para a captação e organização dos eventos” com a participação de presidentes de importantes organizações da cadeia produtiva do setor. Participam do debate: Alexandre Sampaio, presidente da FBHA - Federação Brasileira de Hospedagem e Alimentação, Sérgio Medina Pasqualin, presidente da ABEVT - Academia Brasileira de Eventos e Turismo, Enrico Fermi Torquato Fontes, presidente da ABIH Nacional - Associação Brasileira das Indústrias de Hotéis, Margareth Pizzato, presidente da ABRACCEF - Associação Brasileira de Centros de Convenções e Feiras e Eduardo Sanovicz, presidente da ABEAR - Associação Brasileira das Empresas Aéreas.

O painel “Dimensionamento Econômico da Industria de Eventos no Brasil” traz a participação de Elza Tsumori, coordenadora do ForEventos, Osíris Marques da Universidade Federal Fluminense e coordenador do Observatório do Turismo, além de Ana Clévia Guerreiro, gerente adjunta da Unidade de Atendimento Coletivo – Serviços do Sebrae Nacional.

A programação completa do segundo e último dia do Eventos Brasil 2014 está no site oficial do evento www.eventosbrasil.org.br.

Fonte: Assessoria

Veja também:

17/02/2021
WTTC realizará presencialmente Cúpula Global em abril
O Conselho Mundial de Viagens e Turismo (WTTC, por sua sigla em inglês), informou que de 25 a 27 de abril, em Cancún, Quintana Roo (México, será realizada sua Cúpula Global, que reunirá os líderes do setor público e privado para gerar a plataforma que permite a recuperação global da indústria de viagens e turismo.
22/01/2021
BNT Mercosul divulga data da edição 2021
Após 26 anos realizando o evento de maneira presencial, reunindo mais de 6 mil profissionais de turismo, acreditamos que o cenário atual não seja o ideal para fazer o evento com o contato, o calor humano, as capacitações e tantas atividades sociais que se tornaram marca da BNT Mercosul.
06/09/2020
Profissionais de Eventos organizam passeata geral pelo retorno do setor em São Paulo
Mais de 2.500 pessoas são esperadas no dia 13 de setembro, em frente ao Monumento "Empurra", no Ibirapuera.
29/08/2020
Resorts Brasil promove evento para debater desafios e oportunidades da operação dos resorts neste novo cenário
Ação reuniu mais de 50 associados de todas as regiões do Brasil e teve como pauta a troca de experiências para a retomada e as perspectivas para os próximos meses.
Newsletter
Receba as novidades