Canais
Eventos
publicado em 01 de novembro de 2018 - 15h42

Inhotim promove série de ações e debates para celebrar Novembro Negro

Atividades terão a participação de educadores, artistas, coletivos e grupo teatral. Museu abre normalmente nos feriados dos dias 2 e 15.

Da Redação

O Instituto Inhotim promove uma série de ações e debates para celebrar o Novembro Negro e o “Dia da Consciência Negra”, comemorado no Brasil no próximo dia 20. Durante todo o mês, o público poderá participar de uma programação especial gratuita, que inclui rodas de conversa, encontros e visitas mediadas com foco na cultura afrodescendente, no protagonismo e representatividade dos negros na sociedade e suas contribuições para as múltiplas formas de arte. As atividades terão a participação de educadores, artistas negros, grupos teatrais e coletivos. Assim como em outros feriados, o Inhotim abre normalmente nos dias 2 e 15 de novembro. No dia 16, o Instituto fica aberto até as 17h30.

Em uma das atividades, o Inhotim vai realizar um bate-papo protagonizado por artistas negros. A conversa contará com a presença do coletivo Coisa de Preto, do grupo teatral Morro Encena, do artista plástico W. Mota, do músico quilombola Reibatuque e do fotógrafo William Gomes. Também integra a programação a ação educativa “Gira Caixas”, de autoria do artista W. Mota, na qual o visitante poderá conhecer, sob a ótica do acervo artístico do Inhotim, aspectos, elementos e histórias que permeiam o povo negro.

Na Estação Educativa — espaço de acolhimento e apoio ao visitante —, os educadores do Inhotim vão apresentar curiosidades sobre elementos utilizados na culinária brasileira que são oriundos do continente africano. O Instituto vai oferecer ainda a visita temática especial “Sabe de onde eu vim?”, que terá como ponto de partida as espécies botânicas do continente africano, presentes no Jardim Botânico do Inhotim.

“A programação tem o intuito de ampliar a reflexão sobre a presença do negro no campo das artes e na sociedade brasileira e potencializar a Lei nº 10.639/03, que propõe novas diretrizes curriculares tornando obrigatório o ensino da história e cultura afro-brasileira e africana nas escolas. Os museus são essenciais para a difusão da ciência, promoção do conhecimento e um potente espaço para discussões de temas tão atuais e urgentes”, destaca a gerente de Educação do Inhotim, Yara Castanheira.

O visitante pode aproveitar ainda para conhecer as novas exposições do Inhotim, inauguradas no dia 6 de setembro. As mostras ocupam as galerias temporárias Praça, Lago e Fonte e apresentam obras de importantes nomes da arte contemporânea, como Yayoi Kusama, Robert Irwin, David Lamelas e Paul Pfeiffer.

Confira a programação completa para o mês de novembro

- Estação Educativa para Visitantes - Sabe de onde eu vim?

A Estação Educativa é uma vitrine dos projetos que o Educativo Inhotim realizou e realiza nestes 12 anos de Instituto, estreitando os laços entre visitante e Parque. No mês de novembro, a Estação Educativa trará curiosidades sobre elementos utilizados na culinária brasileira que são oriundos do continente africano. Você sabe a origem dos alimentos que consome? Frutas, legumes e temperos serão apresentados presencialmente e por meio de imagens, para conhecimento e experimentação sensorial do público.

Data: de terça a sábado (a partir do dia 6/11)

Horário: 10h às 16h (de terça a sexta-feira) e 10h às 17h (sábados e feriados)

Local: Estação Educativa para Visitantes (Centro de Educação e Cultura Burle Marx)

Público: livre

- Roda de Conversas - Quero Falar!

Funcionárias, funcionários do Inhotim e visitantes se reúnem para uma roda de conversas em meio ao jardim do Inhotim para um momento de compartilhamento acerca de temas latentes da população negra e os questionamentos que os assolam. Como lidar com o silenciamento das vozes negras? Qual a história do povo negro para além dos livros escolares? Racismo reverso existe? Estas e outras perguntas permearão esse encontro, com trocas de experiências e aprendizado.

Data: 8 de novembro (quinta)

Horário: 14h

Local: gramado do Magic Square (A12 no mapa)

Público: funcionárias, funcionários e visitantes

- Ação Educativa – Gira Caixas

Em comemoração ao dia da “Consciência Negra”, o Educativo Inhotim convida o artista plástico W. Mota para realizar a ação educativa “Gira Caixas”. Os participantes poderão experienciar, investigar e refletir, pela perspectiva da educação, sobre como o objeto submetido a uma ação pode modificar sua natureza e sentido, além de abordar as religiosidades de matrizes africanas. Os visitantes poderão conhecer, sob a ótica do acervo artístico Inhotim, aspectos, elementos e histórias que permeiam o povo negro.

Data: 20, 21 e 22 de novembro (terça a quinta)

Horário: 10h às 16h

Local: Anfiteatro, no Centro de Educação e Cultura Burle Marx

Público: livre

- Bate-papo: O Protagonismo Negro na Arte

Representatividade importa? A cultura tem cor? Para celebrar o Novembro Negro, o Educativo Inhotim convida o público para um bate-papo no qual o lugar de fala é protagonizado por artistas negros com o intuito de ampliar e discutir a contribuição do negro nas múltiplas formas de arte. Este encontro trará a diversidade das expressões artísticas, tais como as artes cênicas, plásticas, o audiovisual e a música. Sabe-se da importância que espaços museais exercem para uma comunicação diversa e educativa. O bate-papo contará com a presença do coletivo Coisa de Preto, grupo teatral Morro Encena, do artista plástico W. Mota, do músico quilombola Reibatuque e do fotógrafo William Gomes.

Data: 21 de novembro (quarta-feira)

Horário: 14h

Local: Espaço Igrejinha

Público: livre

Observação: 50 lugares, por ordem de chegada

- Visita Temática Especial – Sabe de onde eu vim?

Atualmente, as configurações das paisagens do Brasil são o resultado da inserção de diversas plantas que foram incorporadas tanto ao paisagismo urbano quanto ao cultivo e utilização comercial de diversas espécies que se adaptaram muito bem devido às condições climáticas e geográficas. Muitas dessas espécies vieram do continente africano, chegaram por aqui de formas diversas e muitas delas são carregadas de uma referência afetiva dos espaços de onde vieram ou viveram. As plantas presentes nos jardins do Inhotim são dotadas de uma pluralidade cultural de extrema importância para o conhecimento dos visitantes.

Data: 15 de novembro (quinta) e 28 de novembro (quarta)

Horário: 14h30

Local: saída da Recepção

Público: livre

Observação: 15 vagas, inscrição no local a partir das 14h

- Visita Temática Inaugurações

A Visita Temática do mês de outubro aborda as exposições inauguradas no Inhotim, sendo um momento de conversa sobre os artistas, seus trabalhos e temas trazidos à tona nas montagens. “Lamelas, Irwin e Kusama: Sobre a percepção”, na Galeria Lago, apresenta os artistas David Lamelas, Robert Irwin e Yayoi Kusama e convida a pensar como sentimos e percebemos o mundo que nos cerca. "Paul Pfeiffer: Ensaios Vitruvianos", na Galeria Praça, traz obras do artista Paul Pfeiffer e reflexões sobre cultura de massas e espetacularização da vida contemporânea. E, na Galeria Fonte, “Para ver o tempo passar” é uma coletiva de vários artistas que trabalham com o audiovisual, como John Gerrard, Marcellvs L., Mario García Torres e outros. Além do uso na arte, o audiovisual está presente em nossas vidas, mais do que imaginamos.

Data: quartas, sábados, domingos e feriados

Horário: 10h30

Local: saída da Recepção

Público: livre

Observação: 25 vagas, inscrição no local a partir das 10h

- Visita Panorâmica

A visita panorâmica é permeada por conversas e reflexões sobre o espaço do Inhotim e seus acervos, explorando as várias possibilidades de percurso.

Data: de terça a domingo e feriados

Horário: 11h e 14h

Local: saída da Recepção

Público: livre

Observação: 25 vagas, inscrição no local a partir das 10h30/13h30

SERVIÇO

Ingressos:

Os ingressos custam R$ 44 (inteira) e podem ser adquiridos online pelo site Ingresso Rápido.

Opções de transporte:

Para chegar ao Inhotim, localizado a 60 km de Belo Horizonte, é possível pegar uma das vans oferecidas pela Belvitur, agência oficial de turismo e eventos do Inhotim, que saem da Savassi. Há também a opção dos ônibus da Saritur, com saída da rodoviária de Belo Horizonte. Confira abaixo:

Vans Belvitur

- terça a domingo

- saída do Hotel Holiday Inn – Rua Professor Moraes, 600, Funcionários – BH/MG

- Valor: R$ 66 ida e volta

Como comprar: mediante reserva por telefone (31) 3290-9180 ou e-mail:inhotim@belvitur.com.br

Ônibus Saritur

- saída da Rodoviária de Belo Horizonte

- Valor: R$ 38,70 (ida) e R$ 35 (volta)

Mais informações aqui.

Fonte: assessoria

Veja também:

19/11/2018
Rally dos Sertões 2019 volta ao Mato Grosso do Sul
A prova off-road vai largar de Campo Grande no dia 24 de agosto de 2019.
15/11/2018
Projeto arquitetônico para o pavilhão do Brasil na Expo Dubai 2020 é divulgado
O projeto foi escolhido em concurso nacional promovido pela Apex-Brasil. A Exposição Universal de Dubai será realizada entre 20 de outubro de 2020 e 10 abril de 2021.
14/11/2018
Mega edição do Roadsec comemorou 5 anos
Maior festival hacker da América Latina movimenta final de semana com 24 horas de atividades e premiações.
13/11/2018
'Cataratas Day' comemora 7 anos do título de Nova Maravilha da Natureza
Dia 11 de novembro, internautas do mundo inteiro estão convidados a compartilhar fotos e vídeos nas redes sociais para marcar o #CataratasDay2018.
Newsletter
Receba as novidades