Canais
HOTELARIA
publicado em 19 de novembro de 2020 - 19h 9

Hotel Hilton São Paulo Morumbi usa tecnologia da Ecoquest de descontaminação do ar que combate a Covid-19

O hotel Hilton São Paulo Morumbi adquiriu um sistema de higienização do ar permanente que combate a Covid-19 além de muitos outros contaminantes.

Da Redação

Os 117 equipamentos, instalados no sistema de ar-condicionado, foram fornecidos pela Ecoquest, a única empresa a disponibilizar a tecnologia IRC (Ionização Rádio Catalítica) no país. São células fotocatalíticas que produzem peróxido de hidrogênio e limpam o ambiente. Testes realizados por laboratórios credenciados ao FDA comprovam que esse sistema, desenvolvido pela Nasa, é eficaz no combate ao novo coronavírus, eliminando até 99,99% do vírus do ambiente.

A descontaminação do ar abrange toda a área do hotel, incluindo seus 503 apartamentos, todas áreas sociais, assim como restaurantes e salas de eventos, além dos escritórios dos membros de equipe. Esse sistema de higienização reforça ainda mais os Programas CleanStay™ e EventReady com CleanStay™, lançados globalmente pela marca Hilton, que oferece um alto padrão de limpeza e desinfecção para proteção dos hóspedes, clientes, organizadores de eventos e seus participantes, além de membros da equipe. “A IRC é também um sistema de depuração ecológico, natural e que não oferece risco para a saúde humana, de animais ou mesmo de plantas”, afirma Henrique Cury, presidente da Ecoquest.

Veja também:

27/02/2021
Chintia Mazzili é a nova gerente do Transamerica Rondonópolis
Hotel da Marca FIT tem inauguração prevista para março
27/02/2021
Thermas de Olímpia Resorts é o primeiro hotel ‘By Mercure’ da Accor no mundo
A Accor visa chegar, globalmente, a 300 hotéis com a marca em 10 anos
23/02/2021
Hotel Tropical Manaus arrematado por R$ 91 milhões
Um dos hotéis mais icônicos do Brasil, o Tropical Manaus, depois de duas tentativas infrutíferas, foi arrematado no dia 11 em leilão pelo valor de R$ 91 milhões.
17/02/2021
Faleceu Arne Sorenson, CEO da Marriott
Arne Sorenson, o CEO da Marriott nos últimos nove anos e apenas o terceiro presidente-executivo na história da empresa, morreu na segunda-feira. Ele tinha 62 anos e lutava contra o câncer pancreático há quase dois anos.
Newsletter
Receba as novidades