Canais
Hotéis
publicado em 29 de setembro de 2015 - 13h35

Biografia de Armindo Dias, do Royal Palm Hotels & Resorts, retrata incansável empreendedor

A trajetória do imigrante português que criou inúmeras oportunidades de negócios no Brasil e ainda se reinventou aos 65 anos é retratada por um dos mais renomados biógrafos do país, Elias Awad, que abriu o baú de reminiscências de Armindo Dias, presidente do grupo Arcel e do Royal Palm Hotels & Resorts, e seguramente um dos mais incansáveis empreendedores brasileiros.

Sergio Junqueira Arantes

O resultado é a biografia intitulada Armindo Dias - uma vida de dedicação a Deus, à família e ao trabalho, editada pela Novo Século e que revela a história de sucesso do imigrante português – cuja holding detém o Royal Palm Hotels & Resorts, a concessionária de veículos Tempo, a agência MKT Contemporâneo e empreendimentos imobiliários.

O livro permite que milhares de pessoas possam conhecer a história do jovem que, em 1956, abriu mão do trabalho na lavoura no pequeno pedaço de terra da família no interior de Portugal, em nome da vontade de prosperar em outro país. Conseguiu US$ 250 emprestados para comprar uma passagem de navio rumo ao porto de Santos. “Sua coragem o levou a aventurar-se em outro continente. O Sr. Armindo nos dá uma aula de como ser um empreendedor totalmente baseado no autodidatismo, sem recorrer a livros ou gurus para alcançar a excelência”, ressalta o autor Elias Awad.

Dias iniciou sua trajetória no Brasil com uma representação de produtos alimentícios na Bahia, onde dormia até no carro para economizar dinheiro. De trabalho em trabalho, de recurso em recurso, ele vislumbrou a possibilidade de fixar-se no interior paulista, onde acreditava estar um celeiro de oportunidades. Em 1964, escolheu Campinas para fixar residência e fazer a vida, abrindo a Doces Campineira. Três décadas mais tarde, em 1992, a companhia tornou-se líder nacional do segmento com a marca Triunfo, gerando 2.400 empregos diretos.

“Quando comprei a fábrica, a produção era de 10 toneladas de biscoitos por dia. No início dos anos 90, saíam dos fornos 300 toneladas de biscoitos diariamente, o que nos levou à primeira colocação do setor”, lembra o empresário. Em 1997, aos 65 anos, Armindo Dias decide vender a Triunfo. Mas quem disse que era o momento de descansar? Afinal, o que sempre o moveu foi a possibilidade de empreender e criar empregos.

REINVENÇÃO

“O mais admirável é constatar que Armindo Dias continua a ser um homem com sonhos, metas e perspectivas, acompanhando a evolução das suas empresas e memorizando números. Ele tornou-se um especialista na arte de cultivar oportunidades”, acredita Awad. Abrir mão de um case de sucesso foi só o pontapé inicial para um novo desafio – o investimento no segmento de serviços, com a compra do Royal Palm Plaza; e no varejo, com a aquisição da concessionária de veículos Tempo. Nasce, então, a holding Arcel S.A. Empreendimentos e Participações, que traduz no nome, fruto da junção de Armindo e Célia, o seu comprometimento com o trabalho e a família.

Do alto de mais de oito décadas de experiência de vida, o senhor Armindo, como é chamado, relata com orgulho que não existe idade para começar ou recomeçar um negócio. “É tudo uma questão de querer vencer na vida. A idade não influencia”, aconselha. Para ele, o empreendedor é um homem que acredita no que faz. “Os riscos sempre existem, mas quando se trabalha com objetivos claros, as chances de vencer são muito grandes”, ensina.

Elias Awad destaca ainda o incrível respeito do empresário à individualidade dos filhos. “Como recompensa, ele recebe um carinho impressionante dos filhos. Não há como não se admirar com a construção dessa história”, observa.

No prefácio do livro, na palavra de seus filhos, “Pai, sua vida foi sempre pautada pelo trabalho, pela ética e pelo respeito ao ser humano. O que você não disse com palavras, suas ações explicavam. Nada é mais forte do que a força do exemplo”, e o novo desafio de desbravador Armindo, agora compartilhado com seus filhos, “como garantir que esse legado chegue aos nossos próprios filhos, aos mais de 1.500 colaboradores do Grupo Arcel? Geração de empregos, criação de renda e oportunidades sempre estiveram entre as maiores satisfações do Armindo. Muitas famílias dependem da continuidade dessa trajetória de sucesso”, finalizam os filhos no prefácio.

Armindo Dias cultiva uma importante teoria e a compartilha com as pessoas: “Sejam coqueiros, e não grama”. Lendo a biografia do empresário, será possível descobrir o verdadeiro sentido da frase – engana-se quem imaginou que a grande vantagem de ser coqueiro é poder usufruir da sombra que dele se projeta.

Serviço

Título: Armindo Dias - uma vida de dedicação a Deus, à família e ao trabalho

Autor: Elias Awad

Editora: Novo Século

N° de páginas: 400

Fonte: Assessoria

Veja também:

16/01/2019
Recém-inaugurado, Bourbon Cambará Business Hotel investe em novo sistema de TV por assinatura
RDS - Sell Out Expert é a empresa responsável pela instalação de sinal de TV via satélite.
05/01/2019
ABIH-SP divulga resultados da hotelaria no ano passado e perspectivas para 2019
Entidade ressalta expectativas otimistas para o setor a partir da nova gestão política do Estado e a escolha de Vinicius Lummertz como novo Secretário de Turismo de São Paulo
21/12/2018
Universal TV e AccorHotels lançam quarto de hotel temático inspirado nas franquias de Chicago
Fãs poderão se hospedar no Novotel São Paulo Morumbi em um ambiente imerso nas suas séries preferidas
21/12/2018
Pestana Rio Atlântica recebe prêmio da ABIH pelo projeto co-working
O Pestana Rio Atlântica, empreendimento administrado pelo Pestana Hotel Group, de Portugal, recebeu na noite de ontem (quarta-feira, 19/12), o prêmio Eduardo Tapajós, da ABIH – Associação Brasileira da Indústria de Hotéis.
Newsletter
Receba as novidades