Canais
Políticas do Turismo
publicado em 06 de junho de 2019 - 15h21

ABIH Nacional e FBHA se reúnem com Secretário de Produtividade, Emprego e Competitividade

Manoel Linhares, Alexandre Sampaio e Carlos Costa estiveram reunidos ontem (5/6), em Brasília.

Da Redação





Manoel Linhares, presidente da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis - ABIH Nacional, e Alexandre Sampaio, presidente da Federação Brasileira da Hospedagem e Alimentação - FBHA, estiveram reunidos, ontem (5/6), em Brasília, com Carlos Costa, Secretário Especial de Produtividade, Emprego e Competitividade do Ministério da Economia. No encontro, os representantes da hotelaria brasileira apresentaram a posição do setor em relação às plataformas de economia compartilhada, a exemplo do Airbnb, e reforçaram a necessidade da inclusão do tema na Reforma Tributária e na mudança da lei do inquilinato.

“O atraso na regulação dessa questão já é responsável por prejuízos tanto na geração formal de empregos, quanto no fomento de divisas para o país. A falta de regulamentação dos sites internacionais de venda de hospedagem desequilibra - em função da baixa tributação que sofrem em seus países de origem - e limitam a concorrência com as empresas nacionais. Hoje, para a indústria nacional de hotéis, está claro que esta lacuna na legislação tributária nacional, no que se refere ao controle e fiscalização dessa prática, pode levar a migração dos hotéis para este tipo de sistema, o que acarretaria em uma queda considerável no pagamento de impostos municipais”, explicou o presidente da ABIH Nacional. Para Linhares é fundamental melhorar o ambiente de negócios do país, buscando soluções para entraves que atrapalham o setor produtivo e que possibilitem o aumento de produtividade e competitividade das empresas de todos os setores.

De acordo com o secretário do Ministério da Economia e um dos principais assessores do ministro Paulo Guedes, os objetivos do novo governo são aumentar a produtividade, gerar emprego e tornar a economia mais competitiva. “A abertura comercial tem que ser gradual e simultânea ao aumento da competitividade e produtividade brasileira. E nós temos que trabalhar juntos, porque não é o governo quem aumenta a produtividade e a competitividade, quem aumenta são vocês (empresários). Nós temos que fazer duas coisas: parar de atrapalhar e apoiar naquilo que podemos apoiar”, declarou.

Um relatório sobre a tributação das plataformas de hospedagem em outros países será enviado para o ministério e, em seguida, uma nova reunião será agendada.

 Manoel Linhares, Carlos Costa e Alexandre Sampaio


Fonte: assessoria

Veja também:

12/10/2019
Nova cota potencializa turismo de compras em Foz do Iguaçu
Cota de compras terrestres de US$ 500 (R$ 2.050,00), anunciada pelo presidente Jair Bolsonaro, vai potencializar ainda mais o turismo de compras na fronteira trinacional.
01/10/2019
Foz do Iguaçu quer ser o destino mais visitado por turistas estrangeiros no Brasil
A proposta foi defendida durante a 3ª Conferência Municipal de Turismo. Esta e outras sugestões estarão no plano de turismo da próxima década.
23/09/2019
Deputados defendem legalização dos jogos para aumentar a arrecadação tributária
Momento atual é mais favorável à aprovação da matéria porque o governo atravessa uma crise econômica e de falta de empregos.
21/08/2019
Governo de SP anuncia serviço de stopover da Gol Linhas Aéreas nos aeroportos paulistas
Passageiros que fizerem conexão em Congonhas, Guarulhos ou Viracopos podem ficar até duas noites na cidade sem custo adicional.
Newsletter
Receba as novidades