Canais
Pesquisas
publicado em 07 de abril de 2021 - 14h18

Pesquisa indica que Brasil e LatAm estão fora do radar dos turistas chineses, maior mercado emissor mundial

Para Jeanine Pires, diretora da Matcher, marketplace dedicado a promover destinos e produtos turísticos brasileiros para o mercado internacional, a solução é "estreitarmos relações e apresentarmos a América Latina como opção de viagem ao mercado chinês".

Da Redação




De olho nas tendências e comportamentos do mercado de turismo global, o Matche, único marketplace nacional dedicado a promover destinos e produtos turísticos brasileiros para o mercado internacional, divulgou nesta quarta-feira (07) os resultados de estudo realizado por sua parceira na China, a Dragon Trail International. E os números demonstram cautela e incerteza por parte dos chineses, com pitadas de otimismo.

O estudo mostra como está o sentimento do viajante chinês para a retomada das viagens e pode ser um balizador das tendências mundiais. Os resultados mostram que os chineses estão mais dispostos a viajar atualmente do que nos levantamentos anteriores, porém quando se trata das viagens internacionais, cautela e incerteza definem o sentimento do mercado no momento.

De acordo com os resultados apresentados pelo estudo, embora muita coisa tenha mudado desde o início da pandemia, as preferências em torno dos destinos e atividades de viagens são semelhantes às viagens chinesas anteriores à COVID-19. O movimento doméstico segue sendo o grande ativo do mercado e a Ásia continua sendo a região global de primeira escolha para viagens internacionais dos chineses, seguida pela Europa e a América do Norte em terceiro lugar.

As maiores incertezas seguem sendo para as viagens a negócios e as internacionais. Quando solicitados a avaliar os níveis de sentimento atual para 12 destinos no exterior, os chineses expressaram alta percepção de segurança para viajar para Cingapura e Japão; e avaliações mistas para a Austrália, Tailândia e países europeus. Os destinos da América do Norte, especialmente os EUA, foram amplamente vistos como inseguros, enquanto as respostas em países da América do Sul indicaram pouquíssimo conhecimento da China.

De acordo com a China Tourism Academy (CTA), América do Sul é a quarta ou quinta opção dos chineses na escolha por viagens internacionais. Os chineses seguem priorizando atividades como conhecer a gastronomia local; visitar museus e paisagens; conhecer atrações famosas; realizar atividades ao ar livre e contato com a natureza e fazer compras.

O relatório também aponta alguns critérios importantes na hora de decidir as viagens internacionais. O mais importante é que exista simpatia em relação ao viajante chinês; zero casos de Covid; nenhuma exigência de quarentena na chegada ao destino ou no retorno à China; horários de voos restaurados ao normal e que, também, as pessoas já estejam vacinadas antes da viagem.

 Jeanine Pires, diretora do Matcher
A especialista em marketing de destinos, e diretora da Matcher, Jeanine Pires, reforça que "a partir destes insumos fica clara mais uma vez a necessidade de estreitarmos relações e apresentarmos a América Latina como opção de viagem ao mercado chinês. É o maior emissor de turistas do planeta e será fundamental na reconstrução das chegadas internacionais do turismo mundial".

A Dragon Trail International é uma empresa chinesa de soluções de marketing e inteligência de mercado, com extensa experiência na indústria global de viagens. Junto com a Matcher, a empresa trabalha na criação e compartilhamento de conteúdos, análises e oportunidades de mercado entre os mercados da China e Ásia e com o Brasil e América Latina. De acordo com Jeanine Pires, "a parceria entre a Matcher e a Dragon Trail é mais um passo importante para consolidar nossa missão de conectar o mercado brasileiro e latino americano aos principais mercados internacionais”.

O relatório completo do estudo da Dragon Trail esta disponível no site da Matcher.

A Pesquisa - entre 22 de fevereiro a 3 de março de 2021, a Dragon Trail Research realizou a pesquisa através do painel Tencent, e recebeu 1052 respostas completas.

O Matcher, único marketplace dedicado a promover destinos e produtos turísticos brasileiros para o mercado internacional, tem o objetivo de reunir os maiores fornecedores do turismo nacional com grandes operadores do mercado internacional, com foco em apresentar os produtos e destinos brasileiros para empresários estrangeiros interessados em vender Brasil em seus respectivos países.

A dinâmica do Matcher contempla suppliers e buyers se relacionando inicialmente de forma digital, por meio da sua inovadora ferramenta de matchmaking, em que compradores e fornecedores podem encontrar os parceiros ideais para prospectar por meio de uma qualificação de seu perfil e de seus interesses comerciais, o que resulta em escolhas assertivas das empresas com as quais desejam estabelecer parcerias e fazer negócios. E, em um segundo momento, realizando reuniões agendadas de acordo com objetivos previamente identificados.

Veja também:

15/03/2021
Na fase vermelha, 45% dos empreendedores vão tomar ações para diminuir prejuízo
Pesquisa do Sebrae-SP mostra como os donos de pequenos negócios paulistas estão agindo diante das restrições em todo o Estado
01/03/2021
Com mais de 10,2 milhões de testes de COVID-19 em 2020, setor privado foi responsável por 43,1% de todo o diagnóstico do país
Ao longo do ano passado foram feitos 4,5 milhões de RT-PCR, padrão ouro para detecção da infecção pelo novo coronavírus, e 5,7 milhões de testes sorológicos
08/02/2021
Impactos da pandemia nas viagens corporativas: balanço e perspectivas
Abracorp divulga dados e temas priorizados na primeira reunião presencial realizada em janeiro de 2020, com a participação de convidados.
03/11/2020
Faturamento do Turismo chega a R$ 12,8 bilhões em setembro e setor dá sinais de recuperação
Entre os quatro principais grupos turísticos analisados pelo ICVTur-CNC, o de Hospedagem e Alimentação registrou o maior volume de vendas em setembro, puxado pelas atividades de Restaurantes, Bares e Similares (R$ 6,637 bilhões)
Newsletter
Receba as novidades