Canais
Políticas do Turismo
publicado em 30 de julho de 2020 - 10h11

Governo reabre fronteira aérea e exige seguro de saúde para passageiros

A reabertura não vale para voos que tenham como destino os estados de Mato Grosso do Sul, Paraíba, Rondônia, Rio Grande do Sul e Tocantins

Da Redação

Em decisão publicada nesta quarta-feira (28/7) em edição extra do Diário Oficial da União (DOU), o governo liberou a entrada de turistas estrangeiros no país por via aérea. A medida vale para todas as nacionalidades.

De acordo com a portaria interministerial, a entrada de estrangeiros está liberada por via aérea, mas a decisão não abrange as fronteiras terrestres e aquaviárias. Elas continuam fechadas, exceto para venezuelanos, por mais um mês.

Fica restringida, pelo prazo de 30 dias, a entrada no país de estrangeiros de qualquer nacionalidade, por rodovias, por outros meios terrestres ou por transporte aquaviário”, diz o texto publicado nesta noite.

O passageiro estrangeiro em viagem de visita ao Brasil para estada de curta duração, de até 90 dias, deverá apresentar à empresa transportadora, antes do embarque, comprovante de aquisição de seguro-saúde válido no Brasil e com cobertura para todo o período da viagem, sob pena de impedimento de entrada em território nacional pela autoridade migratória por provocação da autoridade sanitária.

Agora é torcer para que os turistas venham...!

Veja também:

30/07/2020
Câmara aprova MP 948
A Câmara dos Deputados aprovou nesta quarta-feira (29) o texto-base de uma medida provisória que dispensa empresas do setor cultural e de turismo — em razão da pandemia do coronavírus — de reembolsar clientes por cancelamento ou adiamento de serviços, eventos e reservas, desde que assegurem a remarcação do que foi contratado pelo cliente.
29/07/2020
Aprovada MP 944 que facilita acesso ao crédito no Turismo
Câmara dos Deputados foi unânime na decisão. Texto segue para sanção presidencial
08/07/2020
Ministério do Turismo abre credenciamento de novos agentes financeiros para o Fungetur
Edital pode ser consultado na página do Fundo. Atualmente, 17 instituições financeiras ofertam crédito para o setor turístico.
29/06/2020
Otávio Leite deixa Secretaria de Turismo do Estado do Rio de Janeiro
“Estou deixando a Setur-RJ, por iniciativa própria, e partindo para um projeto acadêmico – aplicando para doutorado em Turismo".
Newsletter
Receba as novidades