Canais
SXSW2018
publicado em 12 de março de 2018 -  2h19

SXSW 2018 – Day One: Clima geek, preocupação com o bem-estar, IA e startups por todo lado

Participar do SXSW, um dos maiores festivais de inovação do mundo que acontece em Austin, no Texas, desde 1987, tem sido uma experiência inspiradora. A ideia é aproveitar o evento para entender todas as inovações e tendências que estão sendo apresentadas por aqui e aplicar tudo isso em nosso dia a dia.

Sergio Junqueira Arantes

Por Sandro Vieira*


Direto do SXSW,(South by Southwest), o mais badalado festival de inovação do momento realizado em Austin, nos Estados Unidos, Sandro Vieira, CCO da Markup nos conta tudo o que tem vivido e presenciado durante o festival que esta reunindo mais de 400 mil pessoas e que em 2018 bateu recorde de participantes brasileiros. Confira seus insights a cada dia do evento.


DAY ONE

Participar do SXSW, um dos maiores festivais de inovação do mundo que acontece em Austin, no Texas, desde 1987, tem sido uma experiência inspiradora. A ideia é aproveitar o evento para entender todas as inovações e tendências que estão sendo apresentadas por aqui e aplicar tudo isso em nosso dia a dia.

Um dos focos do festival é a preocupação com o ser humano e isso pode ser percebido não só nos aspectos estruturais, mas principalmente nos conteúdos. O maior exemplo é o SXSW Wellness Expo, uma nova atração do evento, que trata 100% de bem-estar. Já no material oficial temos a pista de que existe algo novo no ar; o release diz que o SXSW foi concebido para abastecer a mente, corpo e alma, algo no mínimo diferente em termos de proposta.

Empresas ligadas ao setor do bem-estar estão por aqui surfando essa onda e promovendo um estilo de vida mais saudável. E Austin parece ser o cenário perfeito pra alimentar o movimento, por se tratar de uma cidade que respira inovação. No entanto, as aulas públicas de yoga em locais específicos da cidade ainda não são o ponto forte do festival e não arrebanham as milhares de pessoas que, após as 11h da manhã, entopem as largas ruas atrás de conteúdos relevantes.

O olho do furação é o Austin Convention Center, onde acontece a grande maioria dos painéis de discussão e onde estão montados os stands de diversas empresas que querem atenção imediata dos participantes do evento. Dois termos que praticamente andam sozinhos pelas ruas: Inteligência Artificial e Startup. A cada dez passos você tropeça em algum grupo discutindo ou demonstrando algo sobre IA, alguém querendo vender uma ideia genial e até mesmo empreendedores procurando por um sócio.

Existem, claro, muitos painéis organizados e empresas sérias nesse processo de encontrar o novo, mas nas ruas também tem muita gente solta, tentando a sorte. Todos em busca da glória. Além disso, a todo momento, uma celebridade do mundo da criatividade ou do entretenimento desembarca em algum ponto da cidade, o que garante um certo glamour ao clima geek que paira no SXSW.

Na capital da música ao vivo, a quantia de bandas tocando ao mesmo tempo e compartilhando o mesmo espaço pode assustar, mas funciona e faz parte do folclore da cidade. Tudo com uma boa sensação de segurança, uma vez que é possível ver um policial a cada 10 metros. Muitas ruas estão fechadas e o acesso ao Austin Convention Center é totalmente monitorado a distância pela polícia local – que, aliás, me pareceu muito cordial ao dar informações.

Finalizo as atividades nesse primeiro dia com uma certeza: você não sai do SXSW do mesmo jeito que chegou. O festival é um lugar especial pra quem quer mergulhar no caos a fim de tentar entender o que vem por ai. Os próximos dias, certamente, ainda têm muito a oferecer e essas primeiras experiências criam um clima de ansiedade em toda a cidade. É esperar para ver.

 Sandro Vieira é CCO da Mark Up
*Sandro Vieira é CCO da Mark Up, agência referência em brand experience afiliada à internacional Jack Morton.

Veja também:

18/03/2018
Avantgarde São Paulo destaca o melhor do SXSW 2018
Inspiração e conexão. Essas são as palavras que a Avantgarde São Paulo, agência de comunicação global focada em proporcionar experiências entre marcas e consumidores, aposta para futuro.
16/03/2018
Day Four: maior delegação brasileira da história, novas perspectivas e a certeza de que 2019 será ‘louco’
Durante meus dias em Austin, conversando com novos frequentadores e velhos conhecidos da casa, pude perceber como o SXSW tem apostado em seu próprio crescimento. Com isso, passou de um festival com foco exclusivamente na música para um evento plural em todos os aspectos e com múltiplos objetivos no que diz respeito à criatividade – seja ela aplicada ao mundo dos negócios, seja para o mundo do entretenimento.
13/03/2018
Day Three: a busca pelo app de US$1 mi e uma manhã repleta de lendas da indústria da música
O SXSW é um fantástico celeiro de novidades, com excentricidades saltando à sua vista, por onde quer que você olhe. Mas é também um negócio bastante lucrativo. Em busca da glória, dúzias de startups estão na cidade atrás de seus benfeitores. Muitas estão na pauta oficial do festival; porém existe um ecossistema bem paramentado “correndo por fora”.
13/03/2018
Blues Idea participa do SXSW 2018, em Austin, no Texas (EUA)
Agência de Campinas, vencedora do prêmio Profissionais do Ano, vai em busca de inovações
Newsletter
Receba as novidades