Canais
Tendências e Estudos
publicado em 14 de novembro de 2017 - 19h43

As vantagens do Seguro para garantir o sucesso de eventos

Entre as diversas coberturas, estão: Responsabilidade Civil de Organizador e Expositor (básica), Instalação e Montagem/Desmontagem, Acidentes Pessoais e Danos Morais.

Álvaro Arantes

O setor de eventos tem se profissionalizado cada vez mais e crescido com uma velocidade impressionante. A última pesquisa sobre o setor feito pela Eventbrite é de 2013 e os números apontaram que, naquele ano, foram realizados 590 mil eventos no Brasil, com receita de R$ 209,2 bilhões (o equivalente a 4,3% do PIB do país no período). Ao monitorar o setor, o crescimento, na última década, foi de 460% em relação a 2001.

As estratégias, planejamento e resultados que visam o sucesso de um evento são amplamente conhecidos e compartilhados. Mas a garantia de que tudo correrá bem no pré, durante e pós evento, nem sempre depende daquilo que se pode prever e planejar, mas também do preparo para possíveis surpresas e problemas que possam ocorrer quanto à segurança dos bens materiais e humanos envolvidos.

“Você pode ter surpresas desagradáveis quando organiza um evento. Por isso é preciso seguir padrões rigorosos de qualidade e oferecer uma estrutura de segurança completa para que o evento possa prosseguir sem interrupções, da melhor maneira possível", comenta Vinício Grossi, Diretor do Grupo Nunes & Grossi, especializado em seguros e gestão de benefícios, sendo, há 11 anos, a corretora oficial da maior prova de rua do país em distância, a 10 Km Tribuna FM – Unilus. A prova acontece em Santos, Litoral Paulista, e contou com a participação de mais de 22 mil atletas do Brasil e do exterior na edição de 2017.

Segundo o especialista imprevistos podem acontecer. “Desde o não comparecimento do artista, lesão do atleta, até condições climáticas desfavoráveis, choques elétricos ou problemas na estrutura. É exatamente aí que entra o Seguro de Eventos, uma modalidade que contempla todas as fases que envolvem a organização de um evento e possibilitam o seu andamento com mais tranquilidade aos organizadores e participantes”, avalia. Entre as diversas coberturas, estão:

• Responsabilidade Civil de Organizador e Expositor (básica)

• Instalação e Montagem/Desmontagem

• Acidentes Pessoais

• Danos Morais

“A empresa que liga sua marca a um evento tem interesse em manter sua imagem preservada. Possíveis prejuízos materiais são recuperáveis, mas prejuízos à imagem de ima marca são irreparáveis. Nesse sentido contar com o Seguro de Eventos apropriado evita transtornos e desgastes de toda a ordem”, finaliza.

Veja também:

26/05/2018
Gastos de estrangeiros no Brasil crescem 19,6% em abril
No primeiro quadrimestre, os visitantes de fora injetaram US$ 2,43 bilhões, aumento de 7,52% na comparação com o mesmo período do ano passado.
19/05/2018
Turismo internacional: 9 em cada 10 turistas aprovam viagem ao Brasil
Resultado faz parte de pesquisa encomendada pelo Ministério do Turismo com mais de 35 mil visitantes internacionais em 2017.
19/05/2018
Amadeus revela avanço das agências de viagens nos canais digitais
As agências de viagens estão se organizando internamente, a começar pela estruturação dos mailings, CRMs e websites.
15/05/2018
Aeroportos registram dois milhões de passageiros a mais em 2018
No total, foram 53,3 milhões transportados no trimestre contra 51,4 milhões no ano passado.
Newsletter
Receba as novidades