Canais
Pesquisas
publicado em 17 de setembro de 2013 - 10h20

Aéreas atingem, em agosto, sua pior avaliação em 17 meses

Índice Nacional de Satisfação do Consumidor do Setor de Aviação Registra Retração de Mais de 18 Pontos Percentuais

Da Redação

INSC FECHA AGOSTO COM 52,6%, LIGEIRA QUEDA DE 0,5 PONTO PERCENTUAL

O setor de aviação registrou, em agosto, sua pior avaliação em 17 meses, com queda de 18,2 pontos percentuais na satisfação dos usuários, que passou de 59,7% em julho para 41,5%. A informação é do Índice Nacional de Satisfação do Consumidor (INSC), medido mensalmente pela ESPM. O indicador fechou o mês com 52,6% de avaliação positiva, em ligeira queda de 0,5 ponto percentual.

As razões apontadas para a queda – que ocorreu em duas das quatro companhias aéreas analisadas – são demissões em massa e discriminação com um passageiro, cuja mãe divulgou o ocorrido na internet, gerando tweets e comentários negativos. Além desses, os problemas recorrentes de atrasos nos voos, dificuldades nos processos de embarque, taxas abusivas e atendimento desrespeitoso aos clientes por profissionais sem treinamento também impactaram negativamente a avaliação do setor. São pesquisadas as companhias Gol, Tam, Avianca, Azul/Trip.

Primeiro e único indicador brasileiro com dados totalmente levantados na internet, o INSC foi criado há mais de dois anos e mede, mensalmente, o que pensam os consumidores sobre produtos e serviços de 96 empresas de 24 setores da economia.

Fonte: Assessoria

Veja também:

08/06/2021
Pesquisa da Abeoc Brasil aponta que setor de eventos se considera preparado para retomada das atividades
Um ano e três meses após a paralisação das atividades, as idas e vindas dos programas de flexibilização turvam a capacidade de uma análise da atual situação do setor de eventos. Tentando “clarear” esse panorama, a ABEOC Brasil realizou, de 12 a 30 de maio, pesquisa via Internet, abertas a profissionais e empresas associados ou não à entidade.
17/05/2021
Faturamento do Turismo deve voltar aos índices pré-pandemia apenas em 2022
Sebrae realiza estudo sobre as novas tendências do setor
11/05/2021
Queda de faturamento atinge 82% dos MEI
Microempreendedores individuais foram os donos de pequenos negócios mais afetados pela pandemia
27/04/2021
Pandemia em 2020 faz o faturamento das Operadoras de Turismo ficar 67% menor
As viagens domésticas refletem a adaptação do setor e evidenciam o caminho da recuperação
Newsletter
Receba as novidades