DIVERSIDADE CRIATIVA
Ronaldo Ferreira Júnior
O final feliz vem depois que você fez o seu trabalho
Viola Davis
18
maio
2021

Ética, liderança e exemplo.

Nestes 25 anos de mercado já passamos por muitas coisas. Começamos pequenos em uma época em que não existia o live marketing, e nem mesmo agências de eventos muito estruturadas. Iniciamos como uma agência de turismo de negócios e, ao focar nossos esforços exclusivamente na criação e realização de eventos corporativos, nos especializamos e crescemos muito. Rapidamente nos tornamos uma agência de infraestrutura de médio porte, depois de grande porte, e agora, nestes tempos remotos, uma agência flexível, sem bordas e do tamanho da necessidade das demandas de nossos clientes.

Ética Liderança Feminina
Nossa evolução e desenvolvimento acompanhou o ritmo do crescimento ou do desaparecimento dos clientes. Participamos dos processos de globalização e integração de grandes corporações do mercado, celebrando muito as aquisições e incorporações de nossos clientes e também sofrendo com a perda de importantes contas que foram engolidas por outras corporações.

Nestes 25 anos, realizamos um número incontável de projetos. Por vezes mais de 7 entregas no mesmo dia. Para colocar de pé toda esta operação tivemos que nos tornar uma agência escola e capacitar nossos profissionais. Sempre nos dedicamos e obtivemos bons resultados na formação de talentos. Criamos um programa de estágio que foi reconhecido pelo IBOPE e CIEE como um dos 6 melhores do Estado de São Paulo. Somos reconhecidos pelo Great Place to Work (GPTW) como umas das melhores para se trabalhar. E atualmente, a partir de nosso forte posicionamento em abraçar as diferenças, fomos premiados pelo Guia Exame e Instituto Ethos, como uma das 3 empresas mais preparadas na categoria PMG, para a promoção de ações afirmativas em prol da diversidade e inclusão no mundo corporativo.

Nesta longa jornada enfrentamos inúmeros desafios, todos superados da forma mais clássica possível: com muito trabalho e claro, com criatividade. E principalmente um trabalho realizado da forma correta, transparente, respeitando os adversários, os fornecedores, os clientes e principalmente desenvolvendo e cuidando dos nossos colaboradores. Acreditamos que é possível vencer os obstáculos e superar as dificuldades destes novos tempos, sem prejudicar ou passar por cima das pessoas, empresas ou mercado.

E é por este motivo, que gostaria de terminar esta série com os depoimentos de nossa CEO, Claudia Lorenz. Uma profissional que acredita que a ética e a coragem sempre apontam os melhores caminhos e que o exemplo é a ferramenta mais poderosa para que os nossos profissionais não se percam nas promessas de ganhos fáceis e milagrosos, que sempre bateram em nossa porta.

E para a Claudia, sempre de poucas palavras públicas, às vezes tudo parece se explicar de forma simples e direta: “Para dar certo, é preciso respeitar a relação de parceria entre todos os envolvidos, clientes, colaboradores, fornecedores e sociedade.”

Para criar um super time, que acredito ser o segredo de sucesso da um.a, a Claudia observa que “é preciso buscar e reter profissionais que valorizem o trabalho colaborativo. Pois talento é muito importante, mas estar aberto a ouvir, aprender e se adaptar é vital. A proatividade, a busca por autonomia com responsabilidade e por aprendizado constante, são características essenciais dos nossos colaboradores”, afirma nossa CEO.

E sobre ser uma mulher no comando, a partir de um mundo corporativo de liderança tão masculino, Claudia lembra que o sucesso no comando de uma agência está em permitir que a energia e as ideias fluam, e que todos possam colaborar com o resultado do negócio, que todos realmente exerçam influência. E neste caso, as mulheres, até mesmo por toda a sua luta por inclusão e igualdade, aprendem a ser articuladas mais cedo.

E sobre a coragem de saber dizer não - esta palavra tão pouco usada no mercado de live marketing -, Claudia diz que “Temos que dar o exemplo e dizer "não" quando há abuso da confiança, desvio de conduta, independente de quem estiver envolvido, seja ele fornecedor, colaborador ou mesmo cliente. Todos erramos, mas temos que reconhecer e aprender com nossos erros. Temos de arcar com as consequências para que haja aprendizado e transformação positiva.”

E pra terminar, perguntei: - Qual é a fórmula de uma boa relação com os clientes? “Qualquer relação se dá entre pessoas, e as pessoas precisam de atenção, cuidado, precisam ser instigadas, desafiadas e acima de tudo, precisam se sentir seguras, confiando umas nas outras. E para que uma relação seja saudável e dure também é preciso que tenha boa energia, humor e que traga crescimento e bons resultados para os envolvidos”, completa Claudia Lorenz, Sócia Diretora e Fundadora da um.a Diversidade Criativa.

É isso.

Fonte: um.a diversidade criativa www.uma.ag

Arquivos
Buscar nos Blogs
O que deseja procurar?
Escritores
Newsletter
Receba as novidades