Diversidade e Turismo
Bayard Boiteux
"Turismo é aprender a conhecer outras culturas, respeitá-las e sobretudo fazer de cada morador um aliado no desenvolvimento turÍstico"
Bayard Boiteux
03
maio
2020

Considerações sobre empregabilidade e pandemia

escrito por Bayard Boiteux

O turismo nunca será o mesmo .Uma verdadeira revolução vai acontecer .Temos previsões mas muitas incertezas,sobretudo com o desemprego que foi gerado e como pequenas e médias empresas conseguirão retornar,já que representam quase 85./ de todo o  nosso negócio .

 A grande expectativa é buscar empregabilidade para um contingente expressivo que se viu sem rumo repentinamente .Terao que desenvolver novos talentos e se adaptar cada vez mais ao mundo digital .Verificamos que as primeiras iniciativas de sucesso estão surgindo nas redes sociais mas o excesso de lives já começa a preocupar quando o foco é meramente comercial . Estão nascendo padrões de higienização que vão nortear e dar segurança aos que pretendem viajar assim como capacidade de carga de todos os lugares para mais uma vez o consumidor não se sentir acuado .Sao novas funções que passarao a fazer parte da oferta de novas oportunidades ,com cursos já em desenvolvimento.

 Vejo muita preocupação com a retomada mas pouca com o status quo atual, que com raras exceções ,dispensou os colaboradores tornando os reféns de ajudas governamentais que são vitais mas não representam de fatos os salários anteriormente recebidos . Vejo falta de sensibilidade em projetar novos momentos com campanhas sem ter em mente que a situação financeira será outra e que projetos de turismo social ,como o do Sesc tomarão um vulto mais expressivo pelos valores praticados . As margens de lucro serão muito, mais  muito menores do que as já nao grandes existentes .

 Concordo que precisamos de muito otimismo e positividade para nossa sobrevivência inclusive mental atualmente mas com um grau de objetividade e reflexão de que a nova era precisa ser construída a partir de agora ,com atendimento a nossos colaboradores nas empresas e nunca esquecer que elas foram construídas com o suor e o trabalho diário de um grupo que escolheu cuidar das viagens alheias em todos os segmentos ,abdicando de datas festivas ,de horários fora do comum por salários nem sempre tao atrativos .

São considerações para também pensarmos com muita gentileza ,solidariedade e parcialidade nas grandes discussões que estamos desenvolvendo .

Arquivos
Buscar nos Blogs
O que deseja procurar?
Escritores
Newsletter
Receba as novidades