Diversidade e Turismo
Bayard Boiteux
"Turismo é aprender a conhecer outras culturas, respeitá-las e sobretudo fazer de cada morador um aliado no desenvolvimento turistico"
Bayard Boiteux
19
novembro
2019

Moxy Linate:um hotel diferenciado

escrito por Bayard Boiteux


Como Tinha   uma conexão no Aeroporto de Linate e precisava pernoitar,decidi por um hotel perto  do aeroporto .Atraves do booking.com localizei um hotel nas proximidades com transfer .O preço de 65 euros me pareceu adequado ,embora não incluísse o café da manhã .Tentei desde a véspera de minha chegada contato com o hotel através do email do booking sem nenhuma resposta ,para saber como o transfer era feito.Foram uns 8 e-mails até hoje sem resposta .Como sempre me utilizo  de tal recurso ,pensei que fosse funcionar mas tenho a impressão que o hotel não o utiliza. Ao chegar no aeroporto ,optei por um táxi que tinha tarifa fixa de 13 euros .No entanto ,um motorista que buscava passageiros na porta do aeroporto,gentilmente me informou que poderia ir caminhando :seriam 10 minutos .Foi o que fiz .Ao chegar ao hotel fui muito bem recebido na recepção .A forma de check in foi informal e bem interativa .O acesso ao quarto por elevador com cartão para maior segurança .Tive alguma dificuldade mas o recepcionista me ajudou e finalmente cheguei ao meu quarto .Era amplo ,bem decorado e com um banheiro bem equipado .A televisão continha as informações do hotel e canais em vários idiomas .O quarto não tem

Telefone .E uma filosofia do hotel para aumentar a interação com os colaboradores .Descansei um pouco : foram 15 horas de viagem em econômica ,na Alitalia .Por volta de 20 horas desci para comer algo .Ai me dei conta da decoração arrojada e descolada do hotel.A recepção e o bar /restaurante funcionam no mesmo espaço .Pedi de cara meu drink preferido um aperol Spritz e comi uma espécie de pizza por uns 20 euros .Fui então para a recepção para marcar o transfer para bem cedo no outro dia e soube do custo de 3 euros para o transporte . Na volta para o quarto,vi que havia opções de entretenimento no bonito lobby e um quarto com ferro para passar em cada andar .No outro dia ,desci cedo e ao fazer o check out e pagar em dinheiro ,não havia troco .Disse que não havia necessidade mas os dois colaboradores um italiano Rafaelle e outro indiano Mawac , além de me oferecerem um café enquanto esperava ,ficará

conversando comigo .Falei mais com o Índia o que me deu maiores informações sobre o hotel e disse que havia brasileiros que ali trabalhavam.Foi uma conversa com troca de experiências ,como eu aprecio .Antes do transfer o troco de menos de 5 euros já estava disponível .Devo confessar que adorei a experiência da cadeia Moxy e sobretudo do Linate e seus colaboradores comprometidos com o bem estar do hospede.

Arquivos
Buscar nos Blogs
O que deseja procurar?
Escritores
Newsletter
Receba as novidades