Live Marketing e a Vida ao Vivo
Tony Coelho
"As melhores coisas da vida são invisíveis. É por isso que nós fechamos nossos olhos quando nos beijamos, dormimos e sonhamos."
Cazuza
02
outubro
2019

A História do RIR

escrito por Tony Coelho

Nessa última sexta, dia 27, começou o maior festival de Música Brasileiro, o Rock In Rio.

Ataulmente, com edições em outros países, ele mantém, em seu nome, o Rio como marca indelével de sua importância: Rock In Rio Lisboa, Madri, Las Vegas...

O Rock in Rio, idealizado pelo grande Roberto Medina, teve sua primeira edição em 1985

Reconhecido, hoje em dia, como o maior festival musical do planeta, pelo Line Up, é um evento de repercussão mundial.

Sob o Comando de Roberta Medina, desde 2004, tem edições fora do Brasil. A primeira em Portugal. O interessante é que mesmo fora do Rio, como dissemos acima, mantém no seu nome o da Cidade onde foi criado e, em seguida, o nome da Cidade que sedia o evento. Ex: ROCK IN RIO LISBOA.

O Rock in Rio já teve 20 edições, sendo oito no Brasil, oito em Portugal, três na Espanha e uma nos Estados Unidos.

O RIR tem um hino que todo brasileiro conhece e canta. Ele foi composto por Nelson Wellington e pelo maestro Eduardo Souto Neto e gravado, originalmente, pelo grupo Roupa Nova.

O festival é considerado o oitavo melhor do mundo pelo site especializado Festival Fling. No entanto, para os artistas, é um dos 3 Festivais no mundo que têm que participar. E isso é por conta do melhor público de Festivais, para eles. Que o diga James Taylor.

Nesse ano de 2019, ele acontece, pela segunda vez, no Parque Olímpico do Rio de Janeiro, ao contrário do Parque dos Atletas, onde teve outras edições.

1985:

Aconteceu de 11 a 20 de janeiro de 85 numa área especialmente construída para o Festival, próxima ao Riocentro na Barra da Tijuca e tinha o maior palco já construído até então, do mundo. Teve um público de 1,5 milhão de pessoas - o equivalente a cinco Woodstocks .

1991:

O Rock in Rio II, só aconteceu em 1991 e no Maracanã, para 700.000 pessoas em 9 dias de evento.

2001:

E foi só em 2001 que o Rio teve, mais uma vez, seu mais importante Festival: o Rock in Rio III aconteceu nos dias 12 a 14 e de 18 a 21 de janeiro.

Dessa vez, na "Cidade do Rock", construída no mesmo local onde aconteceu a primeira edição, com a capacidade para 250 mil espectadores por dia.

Surgem, então, outros espaços como a "Tenda Eletro", música eletrônica, “Tenda Brasil", para música nacional, para a música africana ("Tenda Raízes") e a música mundial ("Tenda Mundo Melhor").

O evento recebeu, nesse ano, a legenda "Por Um Mundo Melhor", o que foi marcado por um ato simbólico de observação de três minutos de silêncio, antes do início das apresentações no primeiro dia do evento.

Às 19 horas daquele dia, três mil rádios e 522 TVs silenciaram pela melhoria do mundo.

Essa edição também ficou marcada pelo boicote de algumas bandas brasileiras ao evento porque havia uma cláusula no contrato que excluía a possibilidade dos grupos brasileiros passarem o som para fazer as últimas regulagens de instrumentos. O boicote teve bandas como O Rappa, Cidade Negra e Raimundos, que foram apoiados por Charlie Brown Jr., Skank e Jota Quest.

2004, 2006, 2008, 2010:

Em 2004, o Rock in Rio se torna internacional com o primeiro Rock in Rio Lisboa, na cidade de Lisboa, em Portugal.

Em 2006, foi realizada a segunda edição do Rock in Rio Lisboa, no mesmo local, entre 26 e 27 de maio e 2, 3 e 4 de junho.

Já, em 2008, na terceira edição do Rock in Rio Lisboa, entre 30 e 31 de maio e a 1, 5 e 6 de junho de 2008, começa, nos dias 27 e 28 de junho e entre 4 a 6 de julho do mesmo ano, em Arganda del Rey, Madrid, Espanha, o Rock in Rio Madrid.

No ano de 2010, foram realizadas, respectivamente, a quarta edição em Lisboa e a segunda edição na capital espanhola.

2011, 2012, 2013 e 2014:

Em 2011, finalmente, acontece a quarta edição do Brasil, após dez anos da terceira. Inicialmente previsto para 2014, para acontecer no ano da Copa do Mundo FIFA de 2014, foi adiantado, em três anos, a pedido da Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro.

A Prefeitura construiu um novo local permanente para permitir uma maior periodicidade do evento.

Segundo Roberto Medina, "Com o novo local, que também ganharia o nome de Cidade do Rock, o Rock in Rio poderia acontecer a cada dois anos, da mesma forma que é o Rock in Rio Lisboa. O espaço não servirá apenas para o festival, será multiuso e poderá abrigar outros shows e eventos".

Em 2012 o Rock in Rio voltou à Península Ibérica para mais uma edição do Rock in Rio Lisboa (a quinta edição) e do Rock in Rio Madrid (a terceira edição).

Em 2013 o Rock in Rio volta a acontecer na nova Cidade do Rock. O evento serviu como teste do novo sistema de ônibus de faixa exclusiva do Rio de Janeiro os BRTs e contou com um programa de tráfego novo que não permitia que carros, táxis e vans se aproximassem do evento.

Em 2014 realizou-se a VI edição do Rock in Rio Lisboa.

2015, 2016, 2017, 2018:

É em maio de 2015, que acontece a primeira edição do Rock in Rio nos Estados Unidos, em Las Vegas.

Quatro dias de festival e cerca de 170 mil pessoas compareceram ao evento.

Em setembro desse mesmo ano, aconteceu a sexta edição do Rock in Rio no Brasil, na qual comemorou-se o aniversário de 30 anos do festival, que teve como uma das grandes atrações a volta da banda Queen, a grande atração do primeiro Rock in Rio.

No ano de 2016, a única edição realizada foi o Rock in Rio Lisboa VII.

Em 2017, foi realizado o Rock in Rio VII, inaugurando o Parque Olímpico como o novo local do evento.

Já, em 2018, foi o ano em que ocorreu a oitava edição portuguesa, confirmando o sucesso da marca no País.

Como Roberto Medina já havia afirmado que o Rock in Rio Lisboa e o Rock In Rio no Brasil "vieram para ficar", agora em 2019 a organização confirmou a realização de mais dois RIRs nos anos de 2021 e 2023, com as edições ocorrendo no Rio de Janeiro e a de 2020 em Portugal

O presidente do Rock in Rio é Roberto Medina e é o dirigente do evento no Brasil.Sua filha, Roberta Medina é a vice-presidente e dirige o evento em Portugal e na Espanha.

Mesmo assim é Roberta, hoje, quem fala sobre o Rock In Rio Brasil.

2019

Em 2019, na sua oitava edição na Cidade Maravilhosa, nos dias 27, 28 e 29 de setembro e 03, 04, 05 e 06 de outubro de 2019, o Festival, no Palco Mundo, terá atrações atrações como: DRAKE, ALOK, ELLIE GOULDING, REXHA, MUSE, IMAGINE DRAGONS, BON JOVI, IVETE, ANITTA, SEPULTURA, CAPITAL INICIAL, PARALAMAS, GO GO DOLLS, P!NK, BLACK EYED PEAS, FOO FIGHTERS, TENACIOUS D, IRON MAIDEN, SCORPIONS, PANIC! AT THE DISCO, RED HOT CHILI PEPERS, WHITESNAKE e muito mais, mantendo a fama de maior e mais eclético Line Up de Festivais.

E vem aí o Rock In RIO 2021!

E nós, como sempre, acompanhamos, desde sua criação, a história e as edições desse grande evento.

Fontes da pesquisa: Wikipédia e Rock In Rio.

Fotos Fabio Machado

Arquivos
Buscar nos Blogs
O que deseja procurar?
Escritores
Newsletter
Receba as novidades