Trip & Soul
Marco Aurélio Moura
Costumo responder, normalmente, a quem me pergunta a razão das minhas viagens: que sei muito bem daquilo que fujo, e não aquilo que procuro
Michel de Montaigne
18
novembro
2019

A praia Brava de Itajaí

Passando uma temporada em Curitiba, depois de morar alguns anos no Rio de Janeiro, senti uma imensa vontade de ver o mar. Infelizmente conheço pouco do litoral paranaense e, para não arriscar, resolvi pegar a estrada e descer para a bela Santa Catarina.

Praia Brava Itajaí
Paraná e Rio Grande do Sul que me perdoem, mas praias lindas, para meu gosto, estão em Santa Catarina. Claro que Paraná e Rio Grande do Sul tem serras e vegetações incomparáveis e, mar, muito mar que vai agradar turistas do Brasil e do mundo quando vierem passear no Sul desse Brasil.

Itajai foi minha escolha. Me hospedei em Cabeçudas mas com o objetivo de conhecer a famosa e badalada Praia Brava, uma das mais badaladas desse litoral. Diferente da praia que me hospedei que tradicionalmente é mais familiar, a Praia Brava que fica a poucos quilômetros é pura ostentação – passando pelos carros, prédios e pessoas.

Praia Brava Itajaí
Todo este glamour me lembrou um pouco a praia de Jurerê Internacional, na capital Florianopolis. Diferente de Jurerê, onde os bem nascidos desfilam em clubes fechados; em barcos e endereços exclusivos, a Praia Brava oferece muitas opções do lado oposto do mar, mas a poucos metros dele.

Como bom observador fiquei curioso em descobrir de onde vinham tantos endinheirados em um fim de semana comum. Entretanto, se o seu passeio é para desfilar e ostentar, embarque já para a praia Brava de Itajaí, e aproveite para conhecer o bacanudo Warung - importante espaço na cena eletrônica no mundo. Sim sempre recebendo DJs de todas as partes do planeta e fica em frente ao mar na Praia Brava norte. Conclusão - natureza , boa música e muita gente bonita por esta região vale a visita.

Arquivos
Buscar nos Blogs
O que deseja procurar?
Escritores
Newsletter
Receba as novidades