Trip & Soul
Marco Aurélio Moura
Costumo responder, normalmente, a quem me pergunta a razão das minhas viagens: que sei muito bem daquilo que fujo, e não aquilo que procuro
Michel de Montaigne
16
agosto
2016

Viajar viajando

Cada pessoa escolhe suas viagens dependendo de suas necessidades no momento de fechar.

Se esta num ano difícil, estressante e cansativo nada mais comum que desejar uma viagem para não se fazer nada e com um horizonte infinito de beleza.

Alguns vão para o mar, outros para montanhas mas sempre em busca de uma paz pessoal.

Existem aqueles que viajam com suas famílias e tem que ter uma visão mais geral para agradar a todos, ou mesmo entre um grupo de amigos.

E claro, aquele viajante solitário. Que muitas vezes não viaja sozinho porque não tem companhia mas porque a cada viagem fica mais exigente com quem vai dividir dias, ou semanas com alguém.

Viajar sozinho não quer dizer que você não tem amigos e que as pessoas não querem viajar com você.

Alias são poucos que se arriscam sozinhos com possibilidades ainda maiores de conhecerem mais pessoas, mas depois que fazem a primeira viagem sem levar ninguém, são muitos que querem repetir a experiência.

Você nunca vai viajar sozinho ate porque vai viajar consigo mesmo. Vai se conhecer melhor e testar seus próprios limites.

A arte de viajar é conquistada. Você pode bater cabeça nas primeiras vezes ou mesmo se irritar com o seu grau de conhecimento da língua da região que esta viajando. Mas depois de passar aquela ansiedade inicial, tudo parece ficar natural. Ate os idiomas parecem ficar mais fáceis de entender.

Ninguém passa fome numa viagem mesmo não falando o idioma local. Pode se perder mas também pode encontrar pessoas boas no Planeta que farão questão de te levar nos lugares e muitos ate te levar para casa de tamanha gentileza e hospitalidade. Com certeza você houve mais boas historias de se viajar sozinho do que não.

Mas viajar sozinho ou acompanhado, sempre é bom viajar.

E hoje com as facilitadas infinitas da tecnologia não é necessário nem ter muito dinheiro e nem falar o idioma com tanta fluidez.

O importante é viajar e já ter prazer no momento de escolher o roteiro ou fechar os detalhes.

No mínimo você curte três meses antes para escolher o roteiro , depois os lugares para visitar e se hospedar. O tempo da viagem, que depende da sua disponibilidade e depois mais uns seis meses para contar para todo mundo com detalhes na volta.

Vamos lá... viajar e aproveitar a oportunidade de trazer mais coisas na bagagem do que simples compras.

Arquivos
Buscar nos Blogs
O que deseja procurar?
Escritores
Newsletter
Receba as novidades