Portal Eventos

* Antes de imprimir pense em seu compromisso com o Meio Ambiente

Canais
Companhias Aéreas
publicado em 10 de maio de 2019 -  1h 6

ABEAR defende abertura irrestrita de capital estrangeiro na aviação comercial brasileira

A entidade ressalta que é fundamental que a Medida Provisória (MP) 863/2018 seja aprovada sem as emendas incluídas recentemente.

A Associação Brasileira das Empresas Aéreas (ABEAR) defende a abertura irrestrita de capital estrangeiro na aviação brasileira. Há consenso entre suas associadas de que essa medida amplia a competição, extremamente benéfica para a economia do país e para o consumidor. A ABEAR ressalta que é fundamental que a Medida Provisória (MP) 863/2018 seja aprovada sem as emendas incluídas recentemente.

O texto aprovado na Comissão Mista do Congresso Nacional, ao pretender obrigar as empresas a operar parte de seus voos em rotas regionais e revogar o modelo praticado em todo o mundo em relação à política de bagagem, compromete o modelo de negócio das companhias que queiram operar no país.

Para a ABEAR, são alterações que contradizem o espírito da própria MP, afastando investidores e novas empresas aéreas do Brasil.

Fonte: assessoria

Veja também:

27/05/2020
Recuperação judicial da Latam nos EUA: o que representa para o setor e o que esperar para Gol e Azul?
Notícia não foi vista com surpresa por parte do mercado; no curto prazo, analistas veem Gol e Azul se beneficiando, mas cenário é de cautela
27/05/2020
Latam: "A única coisa inviável é achar que não vai ter ajuda governamental", disse o presidente da Latam no Brasil
Após pedir recuperação nos EUA, Latam ainda depende de ajuda de governos
26/05/2020
Latam entra com pedido de concordata nos Estados Unidos
Recuperação não envolve a unidade brasileira que segue trabalhando com o Governo para um socorro conjunto para o setor
22/05/2020
Transporte aéreo de passageiros no país tem queda de 93,09% em abril
É o pior resultado da série histórica, iniciada em 2000.
Ver mais