Portal Eventos

* Antes de imprimir pense em seu compromisso com o Meio Ambiente

Canais
Pesquisas
publicado em 15 de maio de 2019 - 21h37

Vendas do mercado de viagens corporativas crescem 11,14% no 1º trimestre

Pesquisa processada pelo BI da entidade contempla o total das transações realizadas pelas associadas, na comparação de igual período 2018 e 2019.

O resultado geral apontado pela tradicional pesquisa de vendas Abracorp – Associação Brasileira de Agências de Viagens Corporativas confirma e até supera expectativas otimistas manifestadas pelos dirigentes no final do ano passado. O avanço geral de 11,14%, em volume de vendas, corresponde à oscilação de R$ 2.290.412.817 para R$ 2.545.679.368.

Em números absolutos, o resultado positivo foi puxado pelo desempenho do aéreo e da hotelaria nacionais. Juntos, representaram mais de 60% do valor monetário apurado: R$ 1.458.542.563 do total vendido de R$ 2.545.679.368. Em termos percentuais, o segmento aéreo nacional cresceu 11,30% e a hotelaria nacional 35,74%, na comparação dos primeiros trimestres de 2018 e 2019.

Por outro lado, o aéreo internacional, a despeito de representar o 2º maior valor agregado dos segmentos analisados, apresentou queda de 4,10% - recuou de R$ 689.770.178 para R$ 661.221.018. Os maiores declínios percentuais ocorreram com o segmento Cruzeiros Internacionais (-74,72%) e Pacotes de Viagem Internacional (-48,80%). Em valores nominais, recuaram de R$ 215.977 e R$ 4.463.260 para R$ 54.602 e R$ 2.285.269, respectivamente.

O maior salto percentual deu-se com o segmento Seguro Viagem Nacional: 131,12%. Ou seja, um salto de R$ 4.801.628 para R$ 11.097.395. No mesmo recorte, a Locação Nacional cresceu 39,20% (de R$ 27.687.577 para R$ 38.544.129). E a Hotelaria Internacional evoluiu 31,32% (de R$ 119.873.827 para R$ 157.422.019).

Quanto ao market share do comparativo geral das vendas do 1º trimestre de 2019, o segmento Aéreo Nacional representou 39,7% do total. Seguiram Aéreo Internacional (26,1%); Hotelaria Nacional (17,8%); Hotelaria Internacional (6.2%); e Locação Nacional (1,5%). Somados, alcançam 91,3% do total. Os 8,7% restantes estão pulverizados em 11 segmentos.

Mais informações sobre principais indicadores, referência na indústria estão disponíveis no site https://www.abracorp.org.br/bi (tabelas e gráficos).

Fonte: assessoria

Veja também:

01/06/2020
Abracorp registra em abril pior movimentação da história
A queda registrada pela entidade em abril deste ano totaliza 91,99%.
22/05/2020
Transporte aéreo de passageiros no país tem queda de 93,09% em abril
É o pior resultado da série histórica, iniciada em 2000.
20/05/2020
Suspensão de eventos pode deixar mais de 3 milhões sem trabalho
Insegurança sobre a retomada das atividades e nova onda de demissões pode afetar brutalmente o setor de cultura e entretenimento, aponta novo estudo da ABRAPE.
19/05/2020
LIVE do Conecta Fórum Eventos apresentou e debateu resultados da I Pesquisa ABRACE/ Portal Eventos sobre impactos do Covid-19
Com audiência recorde, a LIVE teve um pico de mais de mais de 1 mil pessoas assistindo a transmissão simultaneamente no Youtube, Facebook e Portal Eventos, e visualização total superando os 5 mil espectadores, e mostrou a relevância do tema para todo o segmento, não apenas de montadoras e cenografia, mas de prestadores de serviço como um todo.
Ver mais