Portal Eventos

* Antes de imprimir pense em seu compromisso com o Meio Ambiente

Canais
EVENTOS
publicado em 22 de janeiro de 2020 - 20h 1

Heineken apresenta Heineken Urban Jungle

São Paulo e Porto Alegre recebem evento que cria zonas autônomas de floresta nativa na paisagem cinzenta das cidades em parceria com a Fundação SOS Mata Atlântica.

Desenvolvido em parceria com a Fundação SOS Mata Atlântica e Floresta de Bolso, o Heineken Urban Jungle é inspirado em projetos de selvas urbanas, movimento que é tendência em diversas capitais do mundo e que tem como mote a criação de verdadeiros oásis de mata de espécies nativas em espaços áridos nos centros de grandes cidades.

A inauguração da versão paulistana do Heineken Urban Jungle acontece no dia do aniversário de São Paulo, 25 de janeiro, ocupando um estacionamento na Rua Brigadeiro Galvão, 508, no bairro da Barra Funda, com funcionamento sempre aos sábados e domingos, ao longo de três finais de semana. Em 29 de fevereiro o Heineken Urban Jungle leva sua selva de Mata Atlântica para Porto Alegre, na Rua Siqueira Campos, 1195, Centro Histórico, onde permanece por dois finais de semana.

O projeto terá entrada gratuita - com inscrição via Ingresso Rápido - e contará com shows de alguns dos mais celebrados artistas brasileiros do momento. Instalações artísticas vão compor o espaço, propondo um diálogo entre a natureza exuberante da Mata Atlântica e as obras especialmente criadas para o projeto da Heineken®.

O multiartista Felipe Morozini, conhecido por suas frases contundentes espalhadas pela cidade de São Paulo, além do ativismo que levou à criação do Parque Minhocão, e o Estúdio Bijari, reconhecido pela criação de obras como Praças (IM)Possíveis, que propõe uma conexão mais genuína entre as pessoas e seu entorno, são alguns dos nomes escalados para o projeto. O Heineken Urban Jungle conta também com projeto de paisagismo de Ricardo Cardim, botânico e consultor em biodiversidade nativa e arqueologia botânica para restauro da paisagem natural. O evento foi criado e produzido pela agência Atenas.

“Há alguns anos Heineken® foi pioneira ao levar o público a redescobrir os rooftops e vilas escondidas na cidade, contribuindo para a retomada do centro de São Paulo e, agora propomos uma experiência sensorial apresentando uma ativação criada a partir de uma tendência mundial evidenciando que os habitantes das grandes metrópoles têm se interessado cada vez mais pelo contato com a natureza. Com o Heineken Urban Jungle, a marca busca promover uma reconexão genuína das pessoas com a natureza no ambiente urbano, criando uma floresta de mata nativa dentro de São Paulo e Porto Alegre, transformando um estacionamento cercado de prédios em um oásis de Mata Atlântica, a fim de inspirar atitudes positivas e mudanças de comportamento”, comenta Guilherme Retz, gerente das marcas premium do Grupo HEINEKEN no Brasil.

“Estamos vivendo um novo momento para comunicação, onde as marcas passam a ter um papel social de agente da transformação. Com o Heineken Urban Jungle a gente está fazendo parte de um momento histórico tanto pra Atenas quanto pra Heineken®, porque muito mais do que uma experiência de marca, estamos criando um movimento e deixando um legado valiosíssimo para as pessoas e para a cidade”, afirma Denise Garrido, cofundadora da Atenas.

"Esta é uma ação simbólica para mostrar às pessoas a importância da conexão com a natureza. É fundamental que a população observe os espaços que ainda resguardam as florestas naturais e espécies locais, especialmente nos parques e reservas. Conheça o verde de sua cidade e lute por um ambiente melhor e mais sadio para as pessoas”, afirma Márcia Hirota, diretora-executiva da Fundação SOS Mata Atlântica.

Segundo o Atlas da Mata Atlântica, mapeamento anual feito pela ONG em parceria com o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), a cidade de São Paulo possui aproximadamente 17% de sua Mata Atlântica original. Já Porto Alegre, tem apenas 6%. No Brasil, são 12% distribuídos em 17 estados.

Parceria Heineken® e SOS Mata Atlântica

A parceria existe desde 2007, com a criação do Centro de Experimentos Florestais SOS Mata Atlântica – HEINEKEN Brasil, localizado na cidade de Itu (SP). No local funciona a base de restauração florestal da SOS Mata Atlântica, com um viveiro com capacidade de produção de 750 mil mudas por ano – com cerca de 110 espécies nativas. Instalado numa fazenda, de propriedade do Grupo HEINEKEN no Brasil cedida em comodato para a SOS Mata Atlântica, o centro tem mais de 500 hectares e teve mais da metade de sua área recuperada com o plantio de árvores nativas da Mata Atlântica. Hoje, abriga árvores que já alcançam 10 metros de altura e se configura como um espaço de refúgio para a biodiversidade, incluindo mais de 200 espécies de aves já identificadas.

O Centro de Experimentos Florestais conta com engenheiros florestais, biólogos, educadores e viveiristas, que realizam ações de pesquisa, mobilização, cursos e capacitação. Além disso, um projeto de educação ambiental para escolas e grupos de Itu e região, que já recebeu mais de 48 mil pessoas para atividades que tem como principal objetivo proporcionar experiências com a natureza e diálogos sobre questões socioambientais.

Arte na natureza

A ação conta com instalações de Felipe Morozini, Estúdio Bijari e Oito 80, que apresentarão peças criativas e imersivas, exclusivas para o projeto.

Motivado pela possibilidade de fazer a cidade ficar mais verde, Felipe Morozini produzirá duas obras que provocarão reflexão e curiosidade no público do Heineken Urban Jungle, entre elas, "Eu era outro lugar", que será uma espécie de túnel que tem a intenção de refletir sobre a situação das pessoas ao viver em grandes cidades e das próprias cidades, antigas florestas. Já a obra "Eu me vejo em você" fará o público ter a sensação de ver-se na floresta, como parte de um todo. Tentar se enxergar no outro. Sejam eles animais, plantas ou seres humanos.

Já o Estúdio Bijari apresentará o “Carro Verde”, que é veículo transformado em jardim, além dos conteúdos digitais que serão exibidos nos painéis de LED, incluindo os videocenários para os shows e apresentações dos convidados.

Música para todos

Moderno e diverso, o line-up do Heineken Urban Jungle conta com programação musical composta por shows de bandas, artistas e DJs de várias vertentes da música brasileira. Com curadoria de Coy Freitas, profissional ligado à grandes projetos da indústria musical brasileira, a programação contará com um show e um DJ convidado diferente a cada dia, além de DJ residente oficial do projeto.

Entre as atrações para o fim de semana de abertura em São Paulo, estão o show do Tuyo e do Metal Abstrato, que serão acompanhados dos DJs Nyack e Trepanado. Já para o segundo fim de semana, o Heineken Urban Jungle recebe os shows das cantoras Tulipa Ruiz e Lívia Nery, seguidos pelos DJs Tatá Ogan e Barbara Boeing. No último fim de semana acontecem os shows de Luiza Lian e Bexiga 70, ao lado dos DJs Elohim Barros (Talco Bells) e DJ Tahira. O line-up completo para todos os dias de evento será disponibilizado no site.

Atitudes sustentáveis e responsáveis

Atitudes sustentáveis e responsáveis podem salvar o planeta. Pensando nisso, a Heineken® irá engajar consumidores em algumas ações durante todo o projeto.

Com o propósito de potencializar a importância da reciclagem de resíduos, a ação “Volte Sempre” do Grupo HEINEKEN no Brasil vai instalar máquinas no local que irão triturar as garrafas de vidro usadas, armazenando a matéria-prima internamente até ser coletada e destinada à indústria do vidro, garantindo um ciclo sustentável deste material. A máquina desenvolvida em parceria com a 4R Glass também irá oferecer um cash back (via aplicativo Meliuz) para todos os consumidores que participarem da ação.

Para ressignificar as garrafas de cerveja, a marca promoverá ainda a ação específica para atribuir a este objeto um novo uso. Nela, os visitantes poderão fazer uma customização, transformando-as em objetos decorativos. Além disso, a cada garrafa consumida dentro do evento e enviada para reciclagem uma muda nativa da Mata Atlântica será doada à SOS. Estima-se, ao final do projeto, a doação de aproximadamente 13 mil mudas.

Outra ação interessante é a "Drink and Drive", que tem como objetivo encorajar uma mudança de comportamento nas pessoas, sugerindo que vão ao evento de Metrô, reduzindo a emissão de CO2 na atmosfera, além de reforçar o consumo responsável com a mensagem "Se for dirigir, não beba".

Transforme a cidade

Com o propósito de deixar uma herança benéfica para as cidades de São Paulo e Porto Alegre, ao fim do projeto, o Heineken Urban Jungle irá promover um mutirão de plantio com todas as árvores e plantas que foram usadas no paisagismo e cenografia do local. Chamada de Green Day, a ação será encabeçada por Ricardo Cardim. Serão plantadas espécies nativas, totalizando mais de 400 mudas, árvores e plantas, em pontos áridos da cidade previamente mapeados.

“A Floresta de Bolso é uma proposta para resgatar a natureza original dentro das cidades, onde vive a esmagadora parte da população brasileira, mostrando que a metrópole do futuro pode coexistir em harmonia com sua Mata Atlântica nativa. Poucos sabem, mas devido a escolhas culturais, habitamos hoje cidades dominadas por plantas estrangeiras no paisagismo e arborização, mesmo com o Brasil sendo o país de maior biodiversidade do planeta. A Floresta de Bolso de Mata Atlântica representa um legado de séculos, com uma enorme capacidade de benefícios tais como diminuir a temperatura, colaborar para a formação de chuva, reduzir enchentes e poluição sonora, reter poeira, reciclar gases tóxicos, alimentar a avifauna e principalmente, proporcionar saúde pública e reconexão das pessoas com a sua incrível herança natural”.

Plataforma Cities

O Heineken Urban Jungle faz parte da plataforma global da Heineken® chamada Cities, que propõe explorar regiões inusitadas em grandes centros urbanos sempre respeitando a história e cultura local. No Brasil a marca já promoveu experiências dentro desta plataforma, desenvolvendo projetos como Heineken Up On The Roof, que aconteceu em três anos seguidos nos edifícios Planalto, Martinelli e Mirante do Vale, todos no centro da capital paulista. O The Art of Heineken, em 2017, ocupou o Museu de Arte Contemporânea da USP, com vista para o Parque do Ibirapuera. Em 2018 foi a vez do Heineken Block, que ocupou a Vila dos Ingleses, no bairro da Luz, também no centro de São Paulo.

SERVIÇO

Heineken Urban Jungle – São Paulo

Local: Rua Brigadeiro Galvão, 508 - Próximo ao Metrô Marechal Deodoro

Abertura: 25 de janeiro, sábado

Período: 25 e 26 de janeiro, 1, 2, 8 e 9 de fevereiro

Dias de funcionamento: Sábados e domingos

Horário de funcionamento: das 15h às 22h

Lotação do espaço: 400 pessoas

Entrada: Ingresso gratuito via Ingresso Rápido

Proibida a entrada de menores de 18 anos

Mais informações aqui.

Fonte: assessoria

Veja também:

03/08/2020
Técnicos de som, luz e imagem de eventos se manifestam em SP
Profissionais levaram cases que usam para guardar equipamentos e protestaram em frente à Alesp, neste domingo na Zona Sul.
31/07/2020
Coopercitrus Expo Digital é prorrogada até 7 de agosto
Mantendo parceria com os expositores, produtor terá mais tempo para fechar bons negócios na feira.
31/07/2020
Alternativa F lança SEU EVENTO ONLINE
Produto é ma novidade da agência de eventos, com sede em São Paulo e Rio de Janeiro, que em cerca de 8 anos no mercado se transformou em uma das mais conhecidas e premiadas, se destacando pela sua criatividade.
30/07/2020
brMalls e Startse realizam pela primeira vez a Varejotech Conference
Com estratégia voltada à atuação digital, o evento é a maior conferência online sobre o varejo no país.
Ver mais